Portal Expressiva

NAS BANCAS A EDIÇÃO DE FEVEREIRO


EVENTOS

Blogs e sites Parceiros

Simproel entrega documento à[...]

São Joaquim registra mais um[...]

Previsão do Tempo - Boletim

  • 05-09-2016
  • Segunda-feira (05/09): Tempo: o sol aparece entre nuvens pela manhã. À tarde, a chuva retorna ao Oeste e Norte do Estado, atingindo todas as regiões à noite e podendo ser mais intensa do Planalto ao Litoral.  Temperatura: em pequena elevação. Vento: sudoeste a sul, fraco a moderado. Sistema: formação de uma frente fria no litoral Sul do Brasil.

    Terça-feira (06/09): Tempo: na madrugada ainda ocorre chuva em boa parte do Estado, mais intensa no Planalto Norte e Litoral Norte, associada a frente fria. No decorrer da manhã a chuva diminuiu e o sol volta a aparecer na maioria das regiões, acompanhado de mais nuvens do Oeste ao Sul. Temperatura: em declínio, mais acentuado a partir da noite, com a chegada de uma massa de ar frio. Vento: sudoeste a oeste, fraco a moderado com rajadas. 

    Quarta e quinta-feira (07 e 08/09): Tempo: seco com presença de sol e algumas nuvens no Estado. Temperatura: baixa no início do dia, principalmente nas áreas altas do Oeste ao Planalto, onde há condição de geada. Vento: sudeste a sudeste, virando para nordeste na quinta, fraco a moderado

    TENDÊNCIA de 09 a 19 de setembro de 2016

    O período inicia com tempo estável e temperatura em elevação em SC. A partir do dia 13/09 volta a ocorrer chuva frequente novamente no Estado. A temperatura deve seguir amena na maior parte do período.

     

    Gilsânia Cruz – Meteorologista

  • Comentários
  • Termo de Compromisso dos Candidatos foi apresentado pelo Observatório Social à comunidade de Lages

  • 02-09-2016
  • O Observatório Social de Lages (OSL) realizou nesta quarta-feira, dia 31 de agosto, uma reunião de trabalho com a participação de entidades, mantenedores, candidatos e representantes da sociedade civil, onde foram analisadas as propostas que compõem  o Plano de Transparência e Controle Social que a partir das emendas realizadas pelos participantes será fechado e encaminhado aos candidatos a Prefeito, que poderão ou não assiná-lo e aderir até o dia 20 setembro. Foram apresentadas também as propostas para o Termo de Compromisso dos candidatos a vereador, além do lançamento da Campanha Voto Consciente.

    O presidente do OSL recepcionou os presentes e em seguida o Vice-presidente Fabiano Ventura fez a leitura das propostas que foram complementadas no decorrer da reunião e aprovadas por aclamação ao seu final.

    “O Termo tem em seu conteúdo todo o embasamento legal na Constituição Federal (1988); Lei de Responsabilidade Fiscal (2000); Portal da Transparência (2005); Lei da Transparência (2009) e na Lei de Acesso a Informação (2011)”, apresentou Fabiano. 

    O Plano conta com 23 ações/propostas acerca do Controle Social, entre elas: a manutenção e atualização do portal da transparência;  criação do Serviço de Informações Públicas; adigitalização, armazenamento e divulgação de procedimentos administrativos licitatórios; a Publicidade à execução dos contratos; etc.

     

    Campanha do Voto Consciente foi lançada

    O lançamento da Campanha Voto Consciente marca o início de uma campanha organizada pela Rede de Observatórios do Brasil, que acontecerá durante todo o mês de setembro com a distribuição de materiais informativos, nos locais públicos de Lages e nas escolas, também nas redes sociais, além da realização de palestras com o objetivo de alertar o cidadão de Lages sobre o seu papel de eleitor e a importância de seu voto.

    A campanha tem sua atuação acerca da conscientização referente aos seguintes temas: Compra/venda de votos vinculada a candidatos corruptos e sem compromisso com o eleitor;  Escolha de candidatos pela análise da sua formação, histórico profissional e histórico político; Importância de acompanhar o desempenho do candidato depois de eleito; Esclarecimentos sobre votos brancos e nulos; Garantia do sigilo do voto; e,  Como denunciar compra de votos e irregularidades eleitorais.

     

    Trabalho do Observatório Social rende muitos frutos para Lages

    Alguns dos resultados do trabalho de monitoramento das compras públicas e destinação do dinheiro público foram demonstrados durante o evento. Foram centenas de ofícios encaminhados à Prefeitura Municipal  de Lages, entre pedidos de informação e indicação de erros em certames e editais.

    Alguns dos resultados gerados pela atuação do OSL:

    - R$ 368.000,00 de economia gerada com a correção do preço de selante com flúor (de R$ 7.084,00 para R$ 24,00); R$ 926.600,00 de economia gerada com o cancelamento da compra de 2 milhões de sacos de lixo (consumo de 5.480/dia);  R$ 275.000,00 de economia gerada com a correção do preço de guardanapos (de R$ 208,33 para R$ 1,09); R$ 49.750,00 de economia gerada com o cancelamento da compra de 25 smartphones pela Câmara de Vereadores; e, a Melhoria da qualidade dos produtos comprados com a melhor definição das especificações constantes nos termos de referência.

    O evento contou com a participação e fala da coordenadora do grupo gestor de Educação Fiscal do Município de Lages, Eronilda Catarina Würzius. O projeto de Educação Fiscal é um dos fortes parceiros do OSL.

  • Comentários
  • Governador sanciona lei do queijo serrano

  • 02-09-2016
  • O governador Raimundo Colombo sancionou a lei que regulamenta a produção e a venda do queijo artesanal serrano, de autoria do deputado Gabriel Ribeiro (PSD). Com isso, mais de duas mil famílias da Serra Catarinense poderão comercializar o produto sem estar cometendo infração.

    O projeto de Gabriel Ribeiro foi aprovado pelo plenário da Assembleia Legislativa no dia 3 de agosto, mas antes de chegar às mãos do governador passou pelas áreas técnicas do governo, como Procuradoria Geral do Estado e pela Cidasc. Sem a lei, os queijeiros podiam produzir o queijo artesanal apenas para o consumo próprio. Porém, o transporte e a venda do queijo eram proibidos e, se houvesse flagrante pelos fiscais, o material era apreendido e incinerado.

    Apesar da sanção, os queijeiros e o comércio precisam aguardam a publicação da lei no Diário Oficial do Estado para começar a vender o produto.

    O queijo serrano é produzido há mais de dois séculos, desde os tempos do tropeirismo, mas com a evolução das normas da vigilância sanitária tornou-se um produto à margem da lei. “A partir de agora, o queijo vai ter um papel importante na geração de renda para os pequenos produtores rurais”, comentou o deputado Gabriel Ribeiro.

     

    SÍNTESE DA NOVA LEI 

    Principais exigências sanitárias:

    - Leite proveniente de rebanho sadio, sem sinais de doenças infectocontagiosas;

    - Produção iniciada em até duas horas após o começo da ordenha;

    - O leite não poderá ser pasteurizado;

    - A cura do queijo deverá ser em temperatura ambiente, sobre prateleira de madeira de araucária e sem pintura.

    - O projeto proíbe a utilização do leite proveniente de outras propriedades, mesmo se vizinhas à da queijaria.

     

    Instalações das queijarias:

    - Queijaria distante no mínimo 50 metros de galinheiros e pocilgas;

    - Construção de alvenaria e ser protegida por telas;

    - A queijaria deve estar na propriedade rural, ter no máximo 250 metros quadrados e dispor de área para recepção do leite, área de fabricação e área de maturação.

    - Se a queijaria for próxima ao local da ordenha, não será permitida uma comunicação direta entre a queijaria e o estábulo; é necessário que o estábulo tenha revestimento de piso com material impermeável e lavável.

    - O projeto ainda prevê a capacitação do produtor por profissional reconhecido pelo conselho de classe.

     

    Qualidade da água:

    - Deve ser potável;

    - Proveniente de nascente, de cisterna revestida e protegida ou então água de poço;

    - Canalização até a queijaria;

    - Acondicionada em caixa d’água tampada.

    - As nascentes devem ser protegidas do acesso de animais e livres de contaminação por água de enxurrada.

    - E a água deve ser submetida à análise físico-química e bacteriológica periodicamente.

    - O projeto de lei ainda disciplina a embalagem, o transporte e a fiscalização.

  • Comentários
  • Laboratório Saldanha tem 42 anos de tradição

  • 02-09-2016
  • São mais de quarenta anos de atividades prestadas em Lages e região. O Laboratório Saldanha possui além da matriz, localizada na Rua Sebastião Furtado Ribas, no centro de Lages, outras cinco unidades no município e também em Otácilio Costa e Correia Pinto. As unidades, credenciadas Pladisa, possuem certificado no Sistema de Acreditação, emitido pela Sociedade Brasileira de Análises Clínicas.

    Com tradição, credibilidade e confiança, o Laboratório Saldanha conta com três bioquímicos, três biomédicos e 30 funcionários. Por mês são atendidos mais de cinco mil pacientes, realizando exames de hematologia, bioquímica, parasitologia, urinálise, microbiologia, análise microbiológica da água e exames de imunologia. Exames mais complexos, são realizados em parceria com um Laboratório referência em Curitiba.

    Para atender a demanda, o Laboratório Saldanha atende de segunda a sexta-feira, das 7 às 12 e das 14 às 18 horas. Nos sábados os atendimentos acontecem das 7 às 11 horas. O procedimento de entrega dos resultados também é célere. Exames de urgência são entregues no mesmo dia e um fluxo de, em média, 24 horas para os demais.

    “Nosso compromisso é atender bem o paciente que busca nossos serviços, bem como tranquilizá-los da segurança dos procedimentos e dos resultados obtidos. Temos uma equipe profissional e capacitada e o reconhecimento de órgãos fiscalizadores” finalizou o sócio-proprietário, Marcio Goulart.

     

    Exames para gripe H1N1 são realizados

    Um dos exames disponíveis pelo Laboratório Saldanha, realizado sem cobertura de planos ou convênios, é o exame de identificação da Gripe H1N1. O exame é coletado em todas as unidades do laboratório. Segundo Marcio, a proposta é complementar ainda mais os serviços prestados.

     

    Endereços

    Matriz Laboratório Saldanha – Rua Sebastião Furtado Ribas, 132 – Centro – Lages

     Filiais:

    Rua João de Castro, 187, Centro – Lages

    Avenida Luiz de Camões, Bairro Coral – Lages

    Rua 31 de Março, 651, bairro Guarujá – Lages

    Rua São José, 68 – Otácilio Costa

     Av Tancredo Neves, 590, Centro - Correia Pinto

  • Comentários
  • Indústrias do setor madeireiro aperfeiçoam processo de fabricação

  • 02-09-2016
  • Depois de dois anos participando do Programa de Encadeamento Produtivo (PEPC), do Sindicato das Indústrias de Serrarias Carpintarias e Tanoarias de Lages (Sindimadeira), representantes de nove empresas da Serra Catarinense concluíram a terceira etapa que focou na qualificação.

    O programa faz parte da área de inovação e tecnologia do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e visa dar suporte as indústrias nas práticas que busquem a otimização dos seus processos produtivos, reduzindo desperdícios e gerando mais lucro e desenvolvimento, bem como propiciando melhor ambiente de trabalho aos colaboradores.

    Ao todo, são seis etapas que trabalham desde a adesão das empresas, diagnóstico, qualificação, medição de resultados, certificação e ações de relacionamento, desenvolvidas em todas as anteriores.

    Na Serra, o vice-presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina, Israel Marcon, destaca que no processo de melhoria, todas as empresas desenvolveram atividades dentro dos pilares da Federação como: educação, saúde do trabalhador, fortalecimento do sindicato, tecnologia e segurança. “Quando há o envolvimento de todos, há também possibilidades de crescimento e desenvolvimento. É preciso dar continuidade a todo esse avanço”.

    O Presidente do Sindimadeira, José César Feldaus, acrescenta que o programa contribuiu para o desenvolvimento das indústrias do setor madeireiro. “Houveram ganhos e melhorias em todas as empresas. Um aprendizado muito grande. Temos que seguir em frente com programas como esse”.

    Resultados 

     

    Com um número significativo de funcionários, a empresa Madepar, que atua há quase 40 anos em Lages, fabrica e exporta portas para diversos países. Antes da capacitação demorava seis dias para concluir o pedido de um cliente dos Estados Unidos, por exemplo. Com as melhorias implantadas, a entrega reduziu para quatro dias.

    Assim como na maioria das empresas participantes do Programa, a principal mudança foi no layout. “Mudamos tudo. Literalmente, limpamos a fábrica. Retiramos tudo do lugar e fomos realocando cada máquina nos espaços previstos no novo layout”, conta Homero Anderson Laurindo. 

    Por meio do Programa, criamos uma maquete para simular o que deveria ser feito. Ainda faltam alguns ajustes que requerem investimentos. “Ganhamos em produção, organização e limpeza e, ainda, geramos empregos. Isso foi necessário para atendermos a demanda e não perdermos clientes por não ter capacidade produtiva suficiente”.

    Na madeireira JJ Tomazzi, no comparativo de fevereiro a junho com o mesmo período em 2015, houve aumento de 32% na produtividade da linha. Já na Blue Forest, fabricante de cercas, balaústres, estacas e madeiras serradas de diversos tamanhos têm cerca de 80% da produção da empresa comprometida à exportação, especialmente para os Estados Unidos. Depois de diagnosticar os problemas, a empresa implantou melhorias e aumentou a produção em 68%. “Otimizamos o espaço e reduzimos a movimentação de funcionários dentro da empresa em 20%”, conta João Carlos Viero, Gerente Administrativo da Empresa.

    O próximo passo, explica o consultor da área de inovação e gestão do IEL, Anderson Ramos dos Santos, é avaliar o antes e depois e medir os resultados. Em seguida haverá a certificação das empresas.

  • Comentários
  • Semana da Pátria

  • 02-09-2016
  • A solenidade oficial de abertura da Semana da Pátria reuniu autoridades civis e militares, assim como estudantes e a comunidade em geral no calçadão da praça João Costa na manhã desta quinta-feira (1). “A terra em que nascemos, crescemos e vivemos deve ser engrandecida e valorizada por todos nós”, disse o prefeito Elizeu Mattos ao declarar abertas as solenidades alusivas à independência do Brasil em Lages.

    Houve o acendimento do fogo simbólico da pátria, seguido do hasteamento da bandeira do Brasil, pelo tenente-coronel Luiz Carlos Thomas Silva (comandante do 1º Batalhão Ferroviário); da bandeira do Estado de Santa Catarina, pelo coronel Turíbio Skonieczny  (comandante da 2ª Região de Polícia Militar de Lages),  e da bandeira do município, pelo prefeito Elizeu, ao som do Hino Nacional Brasileiro, executado pela banda do 1º Batalhão Ferroviário.

    Alunos da Escola Municipal de Educação Básica (Emeb) Aline Giovana Schimidt fizeram a guarda das bandeiras e do fogo simbólico, e a fanfarra do Centro de Atenção Integral à Criança (Caic) Irmã Dulce prestou homenagem com duas apresentações. Representantes de Otacílio Costa, Correia Pinto, Painel, Cerro Negro e Bocaina do Sul fizeram a coleta da centelha do fogo simbólico para levar para seus municípios em suas homenagens à pátria.

     

    Desfiles

    A programação da Semana da Pátria prevê a realização de três desfiles cívicos: nesta sexta-feira (2), às 14h, na rua São Joaquim; no sábado (3), às 14h, na avenida Camões, e na quarta-feira (7), às 9h, na avenida Duque de Caxias.

  • Comentários
  • Raimundo Colombo vai estar caminhando junto com Ceron

  • 02-09-2016
  • A Coligação Lages levada a Sério tem prevista na agenda do final de semana, duas grandes caminhadas, uma no sábado e outra no domingo (3 e 4/09). A primeira abrange os bairros da Penha e o São Miguel, a partir das 10 horas, e contará com a participação do governador Raimundo Colombo. A segunda, no domingo, também a partir das 10 horas, a caminhada vai envolver os bairros Caroba e Santa Mônica. Será um grande encontro da família 55. Os participantes serão recepcionados com muita festa, regada a chimarrão.

    Para a caminhada do sábado (3), a concentração da largada será na Rua Alan Kardek, em frente ao Mercado Bolzani, no bairro da Penha. O término será ao lado da Igreja São Miguel. Já a caminhada do domingo (4), inicia em frente à Mercearia Kagie, na Rua da Horta, no bairro Caroba, com encerramento em frente ao Mercado Luz, na Rua C.R. Vasco da Gama, no Santa Mônica.

     

    Assessoria de Imprensa

  • Comentários
  • Lages Garden Shopping tem uma lista grande atrações para o fim de semana

  • 02-09-2016
  • O Lages Garden Shopping vai estar super movimentado neste fim de semana.  Na programação tem evento gastronômico, de artesanato, cultural, de música, esportivo e inauguração de loja. Além disso, o cliente vai encontrar as melhores opções em compras, alimentação e diversão num espaço bonito, moderno e confortável.

    Nesta sexta-feira (2), a partir das 20h, tem Chef Gourmet com Edson Medeiros. Ele vai preparar uma tilápia a moda Carú. O evento é gratuito e aberto ao público. Antes disso, às 18h, no estacionamento externo, ocorrem as inscrições do Trilhão – Jeep Clube Independente. A saída dos jeepeiros está marcada para as 8h de sábado (3).

    A criançada vai adorar o evento de inauguração do quiosque Doces e Sonhos, em frente ao cinema. Além das deliciosas guloseimas, tem atividades especiais só para os pequenos com pintura facial, entrega de balões, degustação dos produtos e a presença do mascote do shopping, o Léo.

    A partir das 14h, o grupo Tramatusa estará na praça de alimentação com uma oficina de artesanato. Neste fim de semana o evento é gratuito. As artesãs vão ensinar a fazer bolas, cestas e macramê em vidro com resíduo da indústria.

    Quem gosta de música tem dois eventos. Um é apresentação do grupo Violinistas Aprendizes, que ocorre às 15h30min de sábado, em frente à loja M.Officer.  O outro está agendando para o domingo, a partir das 10h. Mais uma vez o Lages Garden Shopping recebe o SunSet – Só maquinas perfeitas Brasil, no estacionamento externo.

  • Comentários