Portal Expressiva

EVENTOS

Blogs e sites Parceiros

Obras da Avenida Ponte Grande[...]

Semana típica de verão com chuva[...]

Deputada Carmen Zanotto defende medalha a primeira eleitora do Brasil

  • 10-02-2017
  • O Projeto de Resolução nº 148, de 2016, que institui a Medalha Mietta Santiago, contou com a defesa entusiasmada da deputada federal Carmen Zanotto na sessão plenária de quinta-feira (9), na Câmara dos Deputados. 
     
    “Para nós, essa medalha significa um marco importante nesta Casa, porque a luta das mulheres precisa acontecer — e está acontecendo. O coletivo das mulheres está conseguindo efetivamente mostrar às Câmaras de Vereadores e às Assembleias Legislativas o quanto é importante a participação feminina em todos os espaços de poder”, argumentou Carmen Zanotto.
     
    Maria Ernestina Carneiro Santiago Manso Pereira, mais conhecida Mietta Santiago, escritora, advogada e feminista mineira foi a pioneira em exercer, plenamente, direitos políticos de votar, amparado à época em sentença fundada na Constituição Federal. 
     
    A partir de seus conhecimentos jurídicos, Mietta Santiago identificou que a proibição ao voto feminino contrariava o art. 70 da Constituição da República Federativa dos Estados Unidos do Brasil (24 de fevereiro de 1891), então em vigor. 
     
    O artigo dizia: São eleitores os cidadãos maiores de 21 anos que se alistarem na forma da lei, sem qualquer discriminação de sexo. Baseada nisso, Mietta impetrou um mandado de segurança, e obteve sentença, algo inédito no País, o que lhe permitiu votar em si mesma para um mandato de Deputada Federal.
     
    Mietta foi também uma ativista política. Fundou a Liga de Eleitoras Mineiras. Seu pioneirismo inspirou poetas como Carlos Drummond de Andrade. Frequentava tanto os círculos de estadistas, como Getúlio Vargas e Tancredo Neves, como as rodas boêmias literárias dos seus amigos, o memorialista Pedro Nava, o poeta Carlos Drummond de Andrade e o acadêmico Abgar Renault.
     
     
     
    Celina Guimarães 
     
     
    Antes Mietta Santiago, houve a atuação de Celina Guimarães Vianna, considerada primeira eleitora do Brasil, alistando-se aos 29 anos de idade. No entanto, não há registros de que ela tenha votado. 
     
    Com o advento da Lei n° 660, de 25 de outubro de 1927, o Rio Grande do Norte foi o primeiro Estado que estabeleceu que não haveria distinção de sexo para o exercício do sufrágio. Assim, em 25 de novembro de 1927, após o parecer favorável concedido pela Justiça da cidade de Mossoró, foi incluído o nome de Celina Guimarães Vianna na lista de eleitores do Rio Grande do Norte. Portanto, foi a primeira mulher a receber o título de eleitor.
     

     

    Gabinete Carmen Zanotto

  • Comentários
  • Diretoria do Simproel conversou com o prefeito

  • 10-02-2017
  • Na última quinta-feira (9), a diretoria do Sindicato dos Profissionais em Educação de Lages (Simproel) se reuniu com o prefeito Antônio Ceron para debater questões relacionadas ao plano de carreira do magistério e ao Lages Previ. A presidente Elaine Moraes, o diretor administrativo,  Sérgio Campos, e a tesoureira Cleusa Sanzovo, expuseram os anseios da categoria em relação à valorização da carreira, e pediram informações sobre os boatos ligados a eventuais mudanças na questão previdenciária.

    O prefeito fez as seguintes considerações sobre o Lages Previ: “Existe a necessidade de discutir e rever a situação da instituição. Mas isso será feito em parceria com os conselheiros e apresentado aos servidores. Não faremos nada isoladamente. É uma preocupação com o futuro dos servidores”, disse o prefeito.

    Sobre o plano de carreira do magistério, Ceron disse: “A fala de alteração ou mudança do plano de carreira do professor não partiu de mim. Todo o assunto que diz respeito ao magistério será conversado primeiro com a categoria. Ratifico meu compromisso de ser o prefeito amigo do professor”, ressaltou.

    O encontro também definiu a data da primeira rodada de negociações da pauta 2017. Será no dia 22 de fevereiro. “A educação é a única ferramenta capaz de transformar a sociedade, e estamos trabalhando para garantir os direitos dos profissionais que abraçaram a nobre missão de ensinar”, diz a presidente do Simproel, Elaine Moraes.  

     
    Assessoria  de Comunicação

  • Comentários
  • Fim de semana tem programação para todo mundo no Lages Garden

  • 10-02-2017
  • A lista de eventos programados para este fim de semana no Lages Garden Shopping está cheia de coisa boa. Tem atividade para quem gostam de carro rebaixado, os que curtem uma festa, aqueles que amam animaizinhos e para quem quer estar bem informados sobre a prevenção de acidentes em função das mudanças climáticas.

    A partir desta sexta (10), a Defesa Civil do Município estará no empreendimento para uma ação educativa e informativa. A ideia é orientar a população em relação à prevenção de desastres como deslizamentos e inundações, dicas de verão, serviços da instituição e cadastro de voluntários. A atividade segue até o domingo (12), sempre das 13h às 19h.

    O sábado (11) é dia de mais uma edição da feira de adoção Pets no Garden. Oportunidade para oferecer um lar para os cãezinhos. Para adotar é necessário levar RG, CPF e comprovante de residência.  O evento está sendo organizado pela Associação Lageana de Proteção aos Animais (Alpa), entidade convidada, e PetClick. A feira ocorre das 10h às 18h.

    Na tarde deste mesmo dia, a partir das 16h, será realizado o lançamento da Feijoada da Serra. Até as 22h a festa ocorre no estacionamento externo do empreendimento.  No sunset vai ter muito pagode e funk.  O evento está agendado para os dias 11 e 12 de março.

    O primeiro Encontro de Carros Rebaixados (Encare) da Associação Lageana de Assistência ao Menor (ALAM) está marcada para o domingo (12). Cerca de 150 veículos de todas as regiões de Santa Catarina estarão em exposição das 10h às 22h. O evento beneficente ocorre no estacionamento coberto do empreendimento. Toda renda será revertida à entidade.

     

    Liquidação esquenta de carnaval

    Se a ideia é comprar produtos de qualidade e com um preço super acessível, não dá para perder a liquidação esquenta carnaval do Garden. Desta sexta até domingo algumas lojas do empreendimento estarão oferecendo desconto de até 50%. Uma grande oportunidade para levar a família para se divertir com a vasta programação de eventos e fazer compras pagando até metade do preço. 

     

    Catarinas Comunicação 

  • Comentários
  • Programa de incentivo ao descarte correto do lixo é apresentado na Câmara

  • 10-02-2017
  • Uma prática que está se tornando comum na cidade é o descarte do lixo de forma irregular. Diversos terrenos, áreas de preservação permanentes (APP) e áreas urbanas vêm sofrendo com a eliminação desordenada de resíduos sólidos. A moção proposta pelo vereador Vone Schuermann (PMDB) na sessão deliberativa de terça-feira (07-02), apresenta uma alternativa para o descarte correto desses materiais.
    O objetivo é que se criem pontos de coleta para o lixo sólido, assim como uma central de triagem, responsável pela separação e reciclagem dos resíduos produzidos pela população. “Na verdade, as pessoas não sabem o que fazer com esse entulho e acabam descartando em qualquer lugar prejudicando o meio ambiente e sujando a nossa cidade”, explica Vone.

    Dados do Programa de Resíduos Sólidos apontam que toneladas de lixo tiveram destino impróprio em 2016. Em Lages, a realidade não é diferente e todo material que não serve está sendo jogados em frente às casas e terrenos baldios. “Precisamos nos preocupar com o lixo, a população precisa se conscientizar para não se tornar vítima dessa situação”, salienta. Aprovada pelos demais vereadores, a moção 009/17 sugere que a Prefeitura fique responsável pela gestão através da secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos ou de uma empresa terceirizada pelo Poder Executivo, contratada através de licitação.

  • Comentários
  • PMA em Lages é a única no Brasil a auxiliar no monitoramento da sanidade animal do javali

  • 10-02-2017
  • O crescimento populacional do javali fez com que o animal exótico, originário da África, se tornasse um praga para a agricultura de países do mundo todo. Na Serra Catarinense, entidades e produtores se unem no desenvolvimento de estratégias e ações para combater o problema.  

    Além de armadilhas e do abate controlado, a Polícia Militar Ambiental em Lages foi primeira no Brasil a estabelecer medidas para que os controladores autorizados possam abater e realizar exames de sangue nos animais para manter a excelência sanitária do estado. As atividades são realizadas num trabalho conjunto com a Secretaria Estadual da Agricultura e da Pesca e a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc). 

    Um trabalho em parceria que rende resultados. “Com esses exames conseguimos obter importantes dados que vão nos auxiliar não só no combate, mas também na manutenção dos certificados que atestam Santa Catarina como livre da peste suína clássica. Título bastante importante para a economia do estado, já que somos grandes exportadores de carne suína”, declara o coordenador de Defesa Sanitária e Animal da Cidasc, Bernard Borchardt. 

    Ele explica que, além de entender comportamentos e hábitos do animal, é possível saber sexo, idade e outras informações de forma mais precisa, auxiliando no estudo e entendimento sobre o javali. 

     

    Polícia Ambiental é a única do Brasil a auxiliar no fornecimento dos kits 

     

    Há sete anos, a Polícia Ambiental foi designada pela Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca como responsável pela expedição das permissões para realizar o controle do javali. Há ainda uma grande preocupação com a possibilidade de transmissão de doenças para os suínos criados no estado. 

    Por isso, nessa parceria inovadora com a Cidasc, a Polícia Ambiental em Lages passou a auxiliar na distribuição dos kits para os controladores cadastrados “O objetivo é facilitar o acesso a esses materiais e garantir a obtenção das amostras para pesquisa”, destaca o comandante, major Adair Pimentel. 

     

    Parceria com os controladores

    Caçador desportista, o empresário Giovani Zanella atua no controle de javali desde 2004. Iniciou a atividade no Rio Grande do Sul, e desde 2012 está cadastrado para desenvolver a atividade em Santa Catarina. Ele conta que o controle do animal tem evoluído muito, e hoje há mais informação sobre o javali.  

    “Conseguimos ser mais assertivos na nossa função de contribuir com as entidades que desenvolvem o trabalho de reconhecimento e controle da espécie. Estamos muito próximos da Polícia Ambiental. A instituição sempre nos auxilia. Temos acesso facilitado aos kits para exames e a entrega pode ser feita aos fins de semana”. 

    O material é devidamente armazenado na PMA e encaminhado à Cidasc. Posteriormente, é disponibilizado à Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), considerado melhor laboratório de pesquisa de aves e suínos do Brasil.

     

     Texto: Catarinas

     Fotos: PMA

  • Comentários
  • Mais de 280 oportunidades no Banco do Emprego

  • 10-02-2017
  • Estão em aberto mais de 280 postos de trabalho com divulgação através do Banco do Emprego, serviço municipal responsável pelo cadastramento de currículos, pré-seleção de candidatos e encaminhamento para entrevistas. Para concorrer a alguma das vagas os interessados devem acessar o endereço www.lages.sc.gov.br/banco_do_emprego e preencher os campos de cadastro, editando e atualizando informações quando necessário.

    Nos casos em que não há acesso à Internet, basta os cidadãos procurarem o Banco do Emprego/Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, na rua Sebastião Furtado, 81, Centro, esquina com a rua Benjamin Constant, a uma quadra da Policlínica Municipal. No ato do atendimento deve ser apresentada a carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho e o comprovante de residência. Dúvidas básicas podem ser esclarecidas pelos números 3224-0600/3224-0700/3224-5121. O código posicionado na tabela de vagas serve para facilitar o cadastro e a localização de cada oportunidade no hotsite.

  • Comentários
  • Caça e Tiro - Oposição cria chapa "Todos pelo Caça" para concorrer às eleições do clube

  • 10-02-2017
  • Os associados do clube Caça e Tiro 1• de Julho se preparam para a escolha da nova diretoria que comandará o clube pelos próximos três anos. Na noite desta quarta-feira (8), a chapa "Todos pelo Caça" explanou suas propostas para associados e apoiadores da campanha.  

    A chapa de oposição é liderada pelo advogado Elizeo Marcon, de 35 anos. O grupo surgiu com o objetivo de retomar eventos sociais, esportivos e aproximar as famílias do clube. "Cresci dentro do clube e sinto falta de tudo que já vivi ao lado de amigos e familiares. Então, resolvemos junto com amigos e apoiadores das nossas ideias reviver essas lembranças, resgatando o nosso clube e abrindo as portas para as famílias", ressalta Marcon.

    Entre as propostas estão a volta dos eventos recreativos como a Gincana de Verão e o Luau, a criação de um calendário anual de eventos, incluindo o Baile de Gala, festivais gastronomicos e de música, shows, além da criação de uma colônia de férias para as crianças, incentivos ao esporte de base e ao esporte feminino, bem como criação de projetos para recreação da terceira idade. 

    A ideia dos integrantes da chapa é aproximar a administração do clube ao associado, para isso será criado um jornal digital mensal com todas as informações sobre a aplicação de recursos e sobre o que acontece no clube. "Uma de nossas propostas é a criação de um canal de diálogo mais próximo do presidente, por isso o fale com o presidente será criado. Estarei todos os dias no clube para ouvir as ideias, sugestões e reclamações de cada associado", destaca.

    Além do trabalho junto do associado, novas parcerias e patrocínios devem auxiliar na promoção de eventos e na manutenção da estrutra do clube. "Formamos um grupo apaixonado pelo Caça e insatisfeitos com a forma a qual vem sendo conduzida a gestão. Com essa nossa vontade de mudar e de fazer melhor, tenho certeza que poderemos fazer do Caça um de espaço de vivência e de união das famílias".  

    Entre os nomes que apoiam a oposição estão Bruno Brandalise, Dany Borsatto, Ricardo Cordova, Marcos Beffart, Daniele Burigo, Rodrigo Dil, Geraldo Corrêa Bastos, Sirley de Cássia Spieker,  Lessandro Machry, Gilberto Ronconi, Vinicius Mecabo, Cláudio Heinzen, Vanderlei Brandalise e Eduardo Forbici dos Santos. 

     

    Informações: Flávia Mota

     

  • Comentários
  • Em debate com talentos paraolímpicos, deputada Carmen defende importância da Bolsa Atleta

  • 10-02-2017
  • Durante Roda de Conversa realizada na quarta-feira (8), a deputada Carmen Zanotto (PPS-SC) defendeu a importância da manutenção e fortalecimento do programa Bolsa Atleta, destinada prioritariamente aos praticantes do esporte de alto rendimento em modalidades olímpicas e paraolímpicas.

    “Queremos e devemos preservar o direito da pessoa com deficiência, sem que ela tenha cerceada a liberdade. E o esporte é uma forma de inclusão”, argumentou a parlamentar.

    O debate foi promovido pela Comissão de Atletas Paraolímpicos. A entidade quer resolver um lapso originado dos direitos sociais dos atletas em face da legislação.  

    Pelas regras em vigor, os atletas que recebem o benefício estão com problemas devido a inclusão pela Lei 13.155/15 que obriga o Ministério do Esporte a efetuar recolhimento da contribuição previdenciária, gerando confronto entre as normas de previdência social.

    Carmen Zanotto propôs que sejam feitas audiência públicas a respeito do assunto e se colocou à disposição para abordar o Ministério do Esporte e da Previdência Social para resolver o impasse.

    “Não podemos permitir que se estabeleça prejuízo em hipótese nenhuma aos atletas ao aderirem a bolsa. Tenho certeza que o governo federal será sensível em resolver este problema”, declarou Carmen Zanotto.

     

    Fotos: Sionei Leão

  • Comentários