Portal Expressiva

Blogs e sites Parceiros

Uniplac recebe Workshop sobre[...]

Previsão do Tempo - Epagri/Ciram

Lages terá sistema integrado de semáforos

  • 11-06-2018
  • Um total de 40 controladores de semáforos, instalados em cruzamentos de ruas e avenidas da cidade de Lages será modernizado, por meio da atualização tecnológica desses equipamentos, criando-se desta forma uma comunicação integrada do parque semafórico. Ou seja, todos os semáforos serão controlados através de uma central de operações.

       Com isso, a mobilidade urbana será melhorada. O fluxo de veículos ficará mais eficiente, minimizando atrasos e paradas entre um semáforo e outro nos principais corredores do município.

    A fluidez do trânsito, neste sistema, funcionará devido ao sincronismo dos controladores, conhecido como “onda verde”, podendo ser programada com tempos diferenciados ao longo do dia, principalmente nos horários de pico.

    A empresa que irá implantar o sistema é a Newtesc, de São Paulo, contratada pela Prefeitura por um ano (12 meses). “Hoje cada semáforo, em Lages, funciona isoladamente. Iremos integrá-los ao software Otto de gestão de tráfego e para isso a tecnologia dos controladores dos semáforos será atualizada. Dos 40 controladores existentes, sete deles terão de ser substituídos. A central de controle será operada por técnicos da própria Prefeitura, os quais receberão treinamento da Newtesc”, fala o consultor Marcelo Ekuni.

       O secretário municipal de Planejamento e Obras, Claiton Bortoluzzi, disse que esse sistema integrado de semáforos é uma das medidas que estão sendo adotadas pela Prefeitura de Lages para melhorar a fluidez do trânsito urbano. “A prefeitura também está contratando uma empresa que ficará responsável pela sinalização de trânsito. Além disso estudos estão sendo desenvolvidos para elaboração do edital que irá regular a licitação de empresa responsável pelo funcionamento das lombadas eletrônicas. Tudo isso visa maior segurança para pedestres e motoristas, e melhor dinâmica da mobilidade urbana”, conclui Claiton.

     

    Fotos: Marcelo Pakinha

  • Comentários
  • Polícia Militar Ambiental retira armamento de circulação da área rural de Ponte Serrada

  • 11-06-2018
  • Um homem de 50 anos foi preso por porte ilegal de arma de fogo no interior de Ponte Serrada, na altura do quilômetro 466 da BR 282. A Polícia Militar Ambiental de Concórdia, que pertence à Companhia de Lages, estava em patrulhamento rural nesta quarta-feira (6) quando fez o flagrante.

    Ele possuía uma espingarda calibre 22, municiada e com equipamento de pontaria de uso restrito, chamada popularmente de luneta, um apito de caça e 29 munições intactas, sendo sete no carregador e 22 em embalagem separada.

    O homem foi encaminhado à delegacia de polícia de Ponte Serrada para autuação do crime. Portar ilegalmente arma de fogo de uso permitido pode resultar em reclusão de dois a quatro anos e multa.

    Catarinas Comunicação/Foto: PMA

  • Comentários
  • Residencial Detroit tem grande aceitação no mercado

  • 11-06-2018
  • ão logo foi lançando o Residencial Detroit pela Habitare Empreendimentos, a aceitação pelo mercado lageano foi excelente. Afinal, tem financiamento pela Caixa e o melhor: dentro do Minha Casa Minha Vida 

    Para quem precisa de um imóvel, seja como residência, ou até mesmo para investimento, o Residencial Detroit não poderia ser mais oportuno. 

    Minha Casa, Minha Vida 

    O empreendimento tem a marca da Habitare Empreendimentos, empresa sólida, com investimentos nas grandes cidades do Estado, e o principal, financiamento pela Caixa, através do Minha Casa Minha Vida. Para esse programa, você não precisa ter poupança. Precisa ter crédito. 

    Necessidade do mercado 

    “Foi com satisfação que recebemos os relatórios apontando uma excelente aceitação desse empreendimento, que oferece praticamente tudo o que uma família necessita para morar bem, desde a localização, amplos espaços (tanto interno quanto de lazer), enfim. O resultado é uma confirmação da nossa pesquisa em Lages da necessidade do mercado”, comentou o diretor Jaime Andrade Ramos. 

    Negociação  

    Interessados em conhecer o projeto e as condições para aquisição, podem entrar em contato com o corretor de sua confiança. São quatro imobiliárias comercializando o Residencial Detroit: Cocasa, Pharol Imóveis, Valéria Antunes e VLV. 

     

    Fotos: divulgação/#BM3ComunicaçãoCriativa

  • Comentários
  • Secretário regional de Lages acompanha ampliação de escola em Correia Pinto

  • 11-06-2018
  • O secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages, João Alberto Duarte, esteve nesta quarta-feira em Correio Pinto para acompanhar as obras de ampliação da E.E.B. Nossa Senhora dos Prazeres. Localizada no centro da cidade, a instituição completa 69 anos em 2018 e ganhará um refeitório, além de nova cozinha e cobertura para o pátio.
     
    As obras se iniciaram no último dia 20 de março e estão bastante adiantadas, de acordo com o gerente de Infraestrutura da ADR Lages, Aldo Antônio da Silva, que acompanhou a visita do secretário. "O prazo de execução da obra é de 270 dias, ou seja, até 15 de dezembro de 2018, mas entregaremos antes, no início do segundo semestre", ressaltou.
     
    O secretário João Alberto Duarte destacou o interesse da ADR Lages em relação as obras na área da Educação na região de Lages. "Sempre foi nosso interesse e prioridade atender aos pedidos feitos pelas escolas da região, e assim foi com a Escola Nossa Senhora dos Prazeres em Correia Pinto. Ficamos satisfeitos que tudo está correndo da forma como foi planejado". A obra está orçada em R$ 409.662,04 e está sendo executada pela Serra Sul Engenharia e Construções Ltda, vencedora da licitação.
     
    De acordo com a diretora Cris Souza, a E.E.B. Nossa Senhora dos Prazeres atende 773 alunos nos três turnos, e as obras garantirão maior conforto para a comunidade escolar. "O refeitório é uma necessidade, pois não temos um espaço específico para as refeições e no período matutino, turno de maior frequência na escola, os alunos ficam aglomerados no pátio", explica a diretora, satisfeita com o andamento da obra.

  • Comentários
  • Guardas mirins vão cuidar do Parque Natural

  • 07-06-2018
  • O amanhã do planeta Terra está nas mãos daqueles que hoje têm pouca idade, mas nas cadeiras escolares o assunto já vem de anos e anos. O Projeto Guarda Mirim é voltado especificamente ao Parque Natural Municipal João José Teodoro da Costa Neto (Parnamul), com sede administrativa no bairro São Paulo, e aparece como uma das preocupações da prefeitura em amenizar os efeitos da ação humana sobre a natureza e ensinar os pequeninos a dar os “puxões de orelha” fundamentais para que a própria família e comunidade de seu contexto social modifiquem seus hábitos inadequados.

    O Projeto é inédito em Lages e região, pois as aulas são todas desenvolvidas dentro da Unidade de Conservação. Todas as aulas dos 35 alunos com díade entre nove e 12 anos acontecerão na Unidade de Conservação, além de algumas atividades e saídas a campo.

    Os meninos e meninas irão participar das aulas toda quarta-feira no período vespertino, quando aprendem sobre a Unidade de Conservação, e com o conhecimento da fauna, flora, trilhas e conduta consciente em ambientes naturais, ajudarão a divulgar o Parque, a receber turmas de visitantes, sobre preservação do patrimônio. “E principalmente serão cidadãos mais conscientes sobre a importância da Unidade para a qualidade ambiental e da vida”, observa a bióloga da Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Michelle Pelozato.

    Por se tratar de um projeto piloto foram escolhidas as escolas situadas no entorno do Parque - Escolas Municipais de Educação Básica (Emeb) Frei Bernardino, Professor Eduardo Pedro Amaral e Professor Pedro Cândido. A proposta foi apresentada para as turmas de 4º, 5º e 6º anos do período matutino.

    Os alunos interessados deveriam preencher a ficha de inscrição e gravar um vídeo de 30 segundos dizendo o porquê gostariam de ser um guarda mirim. O projeto recebeu 60 inscrições, e destas saíram os 35 selecionados (o restante permanecerá em lista de espera).

    Eles estão ainda na fase de formação, com duração até dezembro, com aulas ministradas por Michelle Pelozato e Maria Isabel dos Santos (secretária executiva do Instituto José Paschoal Baggio - IJPB). Contudo, os futuros guardas mirins já estarão em auxílio nas atividades do Parque Natural e posteriormente serão pensadas e planejadas ações com os guardas formados. Nesta quarta-feira (6 de junho), a primeira aula abordou conduta consciente em ambientes naturais e atividades lúdicas, e os alunos conheceram algumas espécies da fauna e flora do Parque. As crianças e adolescentes receberão os uniformes, formados por coturno, calça, camiseta, blusa de moletom e boné, bem como cartilhas.

    O desejo de começar

    Idealizado pelo setor de Educação Ambiental da Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, pensado há cinco anos. “Desde 2013, quando ingressei na Secretaria, pensei e rascunhei este Projeto, e agora conseguimos o recurso para executá-lo. Procuramos o Instituto José Paschoal Baggio (IJPB) para ser nosso parceiro no apoio pedagógico, e tivemos o suporte da Secretaria de Educação, das escolas envolvidas e das famílias dps guardas”, enfatiza Michelle. O Projeto será financiado por uma empresa através de compensação ambiental, após já ter sido aprovado pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), antiga Fundação de Amparo à Tecnologia e ao Meio Ambiente (Fatma).

    No Estado do Rio de Janeiro existe um projeto bem semelhante, em que também são desenvolvidas ações de educação ambiental na Unidade de Conservação. Outros projetos são parecidos, como o Protetor Ambiental da Polícia Militar Ambiental (PMA) em Santa Catarina, com trabalho em várias pontos em comum, porém, as aulas não são todas realizadas numa Unidade e nela o enfoque. “São cursos de extrema importância para a sensibilização e conscientização ambiental das nossas crianças e jovens, e também trabalhamos em parceria com a PMA nos projetos de Educação Ambiental”, lembra a bióloga do Município.

    Associadamente, diversas ações são desenvolvidas pela Secretaria do Meio Ambiente, como trilhas no Parque Natural, Projeto Mata Atlântica: Conhecer para Conservar, Projeto Conhecendo os Destinos do Lixo, Lixo Orgânico Zero, Proteção e Sensibilização Animal e a programação do Mês do Meio Ambiente, atualmente em andamento alusiva a junho, o mês de referência.

    Fotos: Instituto José Paschoal Baggio (IJPB)

  • Comentários
  • Contra o Uberlândia, Inter jogará em Minas pela primeira vez em sua história

  • 07-06-2018
  • A partida contra o Uberlândia, neste sábado, às 16h, será a primeira do Inter de Lages a ser disputada em solo mineiro nos quase 69 anos de história do clube. O confronto vale vaga nas oitavas de final da Série D do Brasileiro.

    Desde que voltou a disputar competições nacionais, em 2015, o Inter enfrentou equipes do Rio Grande do Sul, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro, além da maranhense Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil de 2016. Antes disso, o Colorado Lageano ficou 49 anos longe das disputas nacionais.

    Na primeira partida desta segunda fase, na segunda-feira, o Inter derrotou o Uberlândia por 1 a 0. Para se classificar, a equipe colorada precisa vencer ou empatar no jogo de volta. Caso o Uberlândia vença por diferença de um gol, a decisão da vaga será feita nas disputas de pênalti. Os mineiros avançam de forma direta em caso de vitória por dois ou mais gols de diferença.

  • Comentários
  • Mês do Meio Ambiente busca conscientizar comunidade lageana

  • 07-06-2018
  • A abertura do Mês do Meio Ambiente ocorreu na noite de terça-feira (5 de junho), no auditório do Sesc, situado na avenida Dom Pedro II, bairro Universitário. O evento, uma realização da prefeitura, através das secretarias municipais de Serviços Públicos e Meio Ambiente, da Educação e da Agricultura e Pesca, tem programação definida para todo este mês de junho e visa promover a conscientização da comunidade em geral, para a necessidade de se preservar o meio ambiente.

    O lema adotado para o desenvolvimento das atividades e ações ambientais é “Pensar no Futuro e Agir Agora!”. “Nossa responsabilidade com o meio ambiente é muito maior, pois em nossa região (Serra Catarinense) estão concentradas as nascentes de grandes rios (Bacia do Rio Uruguai) e aqui temos também importantes áreas de recarga do Aquífero Guarani. Conforme nossa Constituição, os recursos naturais precisam ser utilizados com equilíbrio (desenvolvimento sustentável)”, salienta o prefeito Antonio Ceron, ao declarar aberto o Mês do Meio Ambiente. “É na complexidade do meio ambiente que podemos aprimorar nossas ações voltadas à conscientização e preservação da natureza”, acrescentou Ceron.

    Logo após o pronunciamento das autoridades, entre elas os secretários Euclides Mecabô (Meio Ambiente) e Ivana Michaltchuk (Educação) e o vice-prefeito Juliano Polese, a bióloga Michelle Pelozato fez um relato das atividades ecológicas e de educação e pesquisa ambiental desenvolvidas no Parque Natural Municipal João José Teodoro da Costa Neto (Parnamul). Apresentou também o projeto Guarda Mirim do Parque, que reúne 35 estudantes de três escolas do Município e é financiado com recursos do Governo do Estado (IMA).

    O secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô (Tchá Tchá), agradeceu o apoio e parceria de inúmeras entidades, instituições e empresas envolvidas na realização do Mês do Meio Ambiente, entre elas o Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), Instituto José Paschoal Baggio (IJPB), Instituto Federal de Educação, Polícia Militar Ambiental, Sesc, Epagri, CAV/Udesc, Projeta Ambiental, Ambev, Teatro Circula-Dô, Nasf e Comitê Bacia do Rio Canoas. “É o conjunto de pequenas ações que contribuem para a conservação e preservação do meio ambiente, tais como não jogar xepa de cigarro no chão, colocar o lixo na lixeira e não jogar lixo nos rios e córregos. Devemos pensar no futuro e agir agora, porque o futuro acontece dentro de instantes, numa dinâmica em que o homem pode controlar. Se não estivermos conscientes disso, os impactos ambientais causados pela degradação do meio ambiente acabará destruindo o planeta”, alerta Tchá Tchá. A programação do Mês do Meio Ambiente está na galeria de imagens.

    Exposição fotográfica

    A Exposição Catadores - Registros de uma Classe Invisível integra a programação do Mês do Meio Ambiente 2018 promovido pela prefeitura de Lages, através da Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Meio Ambiente, e com a parceria das secretarias municipais da Educação e da Agricultura e Pesca, Instituto José Paschoal Baggio (IJPB), Comitê Canoas, Polícia Militar Ambiental, Sesc, Projeta Ambiental Jr, Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) e Instituto Federal de Santa Catarina (Ifsc), e apoio do Conselho de Defesa do Meio Ambiente (Condema) e do Fundo Municipal de Meio Ambiente. Mais informações pelo número 99198-8131. Exposições de projetos, Seminário, Feira de Adoção de Animais Castrados, oficinas, trilha e Pedalada Ecológica também compõem a programação do Mês do Meio Ambiente, que começa em 4 de junho e segue até dia 30 do mesmo mês. (Com informações de Marcio Machado - Arte e Cultura Circula-Dô).

    Locais de Exposição

    Centro Cultural Vidal Ramos Sesc/Lages de 29 de maio a 18 de junho - Das 9h às 20h e de 18 de junho a 18 de julho no Museu Thiago de Castro.

    Fotos abertura evento: Marcelo Pakinha

    Arte: Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, com edição de Nathalia Lima

  • Comentários
  • CDL alinha detalhes de sua comemoração de 50 anos

  • 07-06-2018
  • Em reunião de Diretoria desta terça-feira (05) foram alinhados, entre outros assuntos de gestão da entidade, os detalhes da comemoração do aniversário do cinquentenário da Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL Lages e a 30a edição da Festa Nacional do Pinhão.

    Fundada em 25 de junho de 1968, a CDL Lages completa este ano 50 anos  de fundação e a comemoração será um Jantar/Baile com seus associados e parceiros.

    A data já está oficializada para 23 de junho (sábado) no Clube Caça e Tiro. Os convites/ingressos já estão disponíveis na CDL com desconto especial para os associados.

    Homenagens aos ex-presidentes também serão destaque no evento, além da edição especial da CDL em Revista.

    Resultados da Festa do Pinhão

    A avaliação da mesa diretora da CDL foi de queda na movimentação do comércio no período da Festa (comparado aos anos anteriores) causada pelas paralisações do setor de transportes.  O reflexo foi o cancelamento de estadias e a redução dos deslocamentos de turistas com destino à Lages, por conta do desabastecimento dos postos de combustíveis.

    Após o início da regularização do abastecimento o movimento para o segundo fim de semana da festa foi ampliado.

    A avaliação sobre a movimentação do centro de Lages com a programação e nova estrutura do Recanto do Pinhão foi positiva diante do recorde de público atraído pela programação artística com muitos benefícios ao comércio.

    Manifestações dos Caminhoneiros

    A entidade reconhece o direito das manifestações e exigências da categoria,  mas com a particularidade de estarmos vivendo a maior festa anual da cidade a CDL deixou a decisão do fechamento das lojas para acompanharem a passeata a critério dos seus proprietários e gestores lojistas.  “Nossa bandeira é a da Ordem e do Progresso, e por isso o posicionamento tem que ser sempre pelo coletivo, observadas todas as partes envolvidas e, principalmente, com pensamento estratégico, avaliando os efeitos sobre a atividade varejista e sobre a economia de um País como um todo”, afirma Marcos Tortelli, presidente da CDL.

  • Comentários