Portal Expressiva

NAS BANCAS EDIÇÃO DE DEZEMBRO


EVENTOS

Blogs e sites Parceiros

[Ver Mais]

Você está em Geral

[voltar]

Chuva praticamente ininterrupta mantém Defesa Civil em alerta

Na madrugada desta quarta-feira (3 de outubro), perto do amanhecer, uma chuva torrencial voltou a cair em Lages. O volume era grande e acordou a população antes da hora habitual para o trabalho e escola. Relâmpagos e trovões foram registrados. Não há registro de alagamentos, até o momento.

A Defesa Civil não recebeu nenhum chamado durante a madrugada. Uma ocorrência foi gerada na manhã desta quarta, contudo, em razão do temporal de segunda-feira (1º), em que uma moradora do bairro Maria Luiza havia pedido lona para cobrir uma área de destelhamento em sua residência. Porém, houve problema na fixação das telhas, e ela então solicitou um pedaço extra de lona nesta manhã para garantir que a moradia permaneça seca enquanto são feitos os reparos definitivos. O secretário executivo da Defesa Civil, Jean Felipe de Souza, acompanha os serviços dos agentes.

Os equipamentos de monitoramento técnico espalhados pelo município estão sendo periodicamente supervisionados, incluindo os pluviômetros automáticos e semi-automáticos e a régua da ponte do rio Carahá, na rua Cirilo Vieira Ramos, na altura dos bairros Habitação e Caça e Tiro. Os contatos da Defesa Civil são 199, (49) 98406-4037 ou 3222-9661.

O temporal de segunda-feira (1º) assustou milhares de moradores de municípios da Serra Catarinense. A população foi acometida por ventania e até granizo em diversos pontos. Houve queda de galhos de árvores sobre a fiação elétrica e quedas de postes de iluminação e de cabeamento, além de descargas atmosféricas, provocando o desabastecimento de energia em perímetros urbanos e localidades rurais.

A Defesa Civil de Lages atendeu 33 ocorrências na cidade neste dia, sendo duas quedas de árvores, e o restante destelhamentos, causados pelos fortes ventos ou pela queda de galhos de árvores. Na terça-feira (2) a chuva permaneceu em Lages, porém, de forma calma.

30 milímetros nas últimas 24 horas

Nas últimas 24 horas há um acumulado pluviométrico de 30 milímetros e a previsão de instabilidade meteorológica se estende no decorrer do dia desta quarta, e a possibilidade de chuva continua, com acumulado previsto de 34 milímetros. Para esta quinta-feira (4), a previsão indica céu com muitas nuvens pela madrugada e sol com muitas nuvens pela manhã e tarde, períodos de céu nublado. A princípio, sem chuva.

Foto: Nathalia Lima

[Ver Mais Notícias]