Educar para Prevenir: Defesa Civil de Lages forma Agentes Mirins

Por Revista Expressiva

O projeto “Defesa Civil nas Escolas: Educar para Prevenir” foi concluído nesta semana com a participação de 40 alunos de cinco turmas (do 5º ao 6º Ano) da Escola de Educação Básica São Judas Tadeu. A entrega dos certificados ocorreu na localidade de Mirantes (Chácara Lemos), local de conclusão das atividades do projeto.

O projeto elaborado pela Defesa Civil de Lages e financiado pela Baesa começou em 2020, tendo como instrutores Roberta Machado e Filipe Wrobleski, que contaram com o apoio de professores da EEB São Judas, dentre os quais a professora Helena Schwants.

Na entrega dos certificados estiveram presentes o secretário Executivo da Defesa Civil de Lages, João Eduardo da Silva Pacheco, o analista ambiental da Baesa, Zulmar Melo da Silva, a diretora da EEB São Judas, Nadir Coelho, e professores.

O projeto foi desenvolvido em onze encontros, realizados em sala de aula e em atividades externas, junto à comunidade, despertando nos alunos a percepção de coletividade e de necessidade de se agir com competência diante de situações de perigo, como por exemplo: incêndios, deslizamentos, enxurradas e inundações. A preservação do meio ambiente foi tema básico desenvolvido pelo projeto.

Os alunos que fizeram este curso são considerados agentes mirins, membros da brigada da Defesa Civil, com conhecimentos sobre detecção de situações de perigos tais como incêndios e deslizamentos de encostas.

“O meio ambiente é de todos e portanto precisa da atenção de cada um de nós, individualmente e coletivamente, para que possamos desenvolver ações voltadas à preservação dos rios, das encostas, e à destinação correta do lixo urbano”, disse Pacheco durante o ato de entrega dos certificados aos estudantes.

“Ser Agente Mirim é um compromisso com a nossa cidade, pois agora vocês tem uma base de conhecimento para se defenderem a si próprios, à escola e à comunidade, diante de situações de risco. E os cuidados com a preservação do meio ambiente é essencial”, falou a diretora da EEB São Judas.

Prefeitura de Lages

Leia também

Deixe um comentário

cinco × três =