De virada, Leoas da Serra derrota Celemaster (RS) na estreia da Taça Brasil

Por Luiz Del Moura

O Leoas da Serra estreou com o pé direito na Taça Brasil. A equipe comandada por Gustavo Wiggers, venceu a Celemaster (RS), de virada, por 4 a 2 nesse domingo (29) e somou os primeiros três pontos na competição. Os gols lageanos foram marcados por Rúbia (2x), Nega e Petuxa. O time volta à quadra em busca do tricampeonato nessa terça-feira (31), contra a CEPE (BA), às 11h.

Primeiro tempo

O jogo começou quente e com muitos contra-ataques. Nos minutos iniciais ambas as equipes tiveram chances para abrir o placar. Aos dois minutos, Petuxa fez um desarme, carregou a bola e chutou rasteiro, mas a goleira Marinel, atenta, espalmou para escanteio. No lance seguinte, Cota chegou de surpresa no meio da área catarinense, deu um carrinho e quase surpreendeu Rê, porém o chute foi para fora. Aos quatro, Petuxa, novamente chegou na área e chutou no contrapé de Marinel, mas a goleira defendeu com o joelho e impediu o primeiro gol na partida.

Aos poucos o Leoas foi tomando conta do jogo, porém não conseguia furar a defesa bem postada da Celemaster, então, May arriscava com chutes de fora da área. Já o time gaúcho se mostrava nervoso em quadra e esperava um contra-ataque para surpreender a equipe lageana.

Após pedido de tempo, a Celemaster voltou mais agressiva, entretanto, o Leoas ainda era melhor. Aos 13, após roubada de bola, Lívia chutou rasteiro, mas Marinel mais uma vez impediu o gol lageano com uma grande defesa com o pé. Aos 14, Micha por pouco não encobriu Rê, na jogada seguinte, Lívia acertou a trave gaúcha.

Aos 15, um contra-ataque mortal tirou o placar do zero, Leoas saiu jogando errado e Marina balançou as redes. Porém a alegria das gaúchas durou pouco, dois minutos mais tarde, Lívia fez o pivô e encontrou Nega no meio da área para deixar tudo igual. Restando apenas quatro segundos para o fim do primeiro tempo, Leoas trabalhou a bola, Jeni chutou cruzado e Rúbia apareceu livre dentro da área para virar o jogo e levar a vantagem para o vestiário.

Segundo tempo

A etapa final começou eletrizante. Na volta do intervalo a Celemaster empatou a partida com Cota, mas no lance seguinte, Rúbia deixou o Leoas novamente à frente do placar, jogando um balde água fria na equipe gaúcha.

Aos sete, Emylli perdeu uma grande chance de empatar o jogo. A Celemaster saiu no contra-ataque, mas a camisa 5 chutou para fora na cara do gol. A equipe gaúcha voltou um pouco melhor do intervalo, porém o Leoas da Serra ainda era superior.

Aos 11, o time lageano pressionou a saída da Celemaster do campo de defesa, Nega roubou a bola e passou Petuxa, que driblou a marcadora e estufou as redes: 4 a 2 Leoas. Aos 16, Jaqueline apareceu livre no meio da área, chutou forte, mirando o ângulo, mas Rê fez uma linda defesa e espalmou para escanteio. Aos 19, Susan acertou a trave, após cobrança de falta de Petuxa e por pouco não ampliou o placar.

Com dois gols de vantagem, a equipe catarinense administrou o resultado, não sofreu pressão e somou os três primeiros pontos na Taça Brasil.

Texto: Lucia Chaves

Fotos: Fom Conradi

Leia também

Deixe um comentário

um × cinco =