São Joaquim decreta situação de emergência por causa da estiagem

Por Luiz Del Moura

A Prefeitura de São Joaquim, através do Prefeito Giovani Nunes, decretou na tarde de quinta-feira (06),  situação de emergência em razão da estiagem que assola o município.
Conforme dados meteorológicos da Epagri/CIRAM sobre o regime de precipitação no município de São Joaquim, os dados apontam que o quadro se configura em forte estiagem no município de São Joaquim, assim como o Planalto Sul Catarinense.
Segundo o Relatório Hidrometeorológico observa-se que os valores acumulados de precipitação para o mês de dezembro de 2021 ainda estão abaixo da média histórica, para todas as regiões de Santa Catarina, inclusive o Planalto Sul Catarinense onde está localizado o município de São Joaquim, apontando uma anomalia hídrica de (-77,6 mm).
Este quadro de estiagem (2021/2022) vem ocasionando a redução no volume médio de água nos rios, riachos, córregos e reservatórios naturais, sendo visível e constatado pelo setor público e privado que sofrem os efeitos desta estiagem no abastecimento público da cidade, e no abastecimento das propriedades rurais para consumo humano e rural.
Fica declarada Situação de Emergência em todas as áreas do município contidas no Formulário de Informações do Desastre – FIDE e demais documentos anexos a este Decreto, em virtude do desastre classificado e codificado como situação de emergência.

Assessoria de Comunicação – Prefeitura Municipal de São Joaquim 

Leia também

Deixe um comentário

14 − oito =