Encontro vai alavancar a produção de peixes na região mais fria de Santa Catarina

Por Luiz Del Moura

Epagri trabalha para promover o cultivo e o comércio de peixes adaptados ao clima da Serra Catarinense – Foto: Divulgação/Epagri

Promover o desenvolvimento sustentável da piscicultura no Planalto Sul de Santa Catarina através de palestras técnicas e da mostra de tecnologias e equipamentos inovadores. Este é o objetivo do 6º Encontro Regional de Piscicultura da Serra Catarinense, que vai reunir mais de 150 pessoas no município de São José do Cerrito, no dia 7 de novembro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas nos escritórios municipais da Epagri.

O evento é direcionado a piscicultores e produtores rurais que desejam investir na produção de peixes, bem como a técnicos.  A programação conta com palestras no período da manhã e atividades práticas durante a tarde, no colégio Agrícola Caetano Costa (Cedup). Dentre os temas abordados  estão comercialização e peixes vivos, manejo nutricional nutricional com arraçoamento, produção sustentável de peixes, higiene para manipulação de pescados e controle de qualidade, assim como alternativas e novas tecnologias para a piscicultura da Serra Catarinense.

Segundo o organizador do encontro, extensionista rural de São José do Cerrito Ivo Eduardo Pacheco de Andrade, este evento vai trazer inovações, perspectivas e novas tecnologias para produzir peixes na região mais fria de Santa Catarina. O coordenador regional do Projeto Peixe da Serra, extensionista rural da Epagri em Lages Aziz Abou Hatem, afirma que a região tem cerca de 56 piscicultores profissionais, mas tem potencial para aumentar.

“Por ocasião da pandemia, o número de piscicultores diminuiu, mas agora estamos retomando a meta da Epagri de chegar a 120 piscicultores até 2025. Trabalhamos para alavancar o comércio de peixes adaptados ao nosso clima, como a carpa, o jundiá e a truta. O encontro vem nos ajudar nessa proposta, principalmente nos mostrando alternativas para comercializar peixes vivos fora do Estado”, diz ele.

Aziz revela que esta ano a Epagri vai reativar um empreendimento de produção de trutas em Lages, que será a  Unidade de Referência Tecnológica de Truticultura na região. Outra ação na área será a implantação de uma Unidade Demonstrativa de policultivo com carpas e jundiá em São José do Cerrito.

O evento

O Encontro Regional de Piscicultura da Serra Catarinense  é promovido anualmente e realizado de forma itinerante nos municípios da região. Ano passado foi em Correia Pinto. A edição de 2023 é uma realização da Epagri, prefeitura de São José do Cerrito (por meio da Secretaria da Agricultura), Secretaria de Estado da Agricultura e Secretaria Executiva da Aquicultura e Pesca de SC, com apoio do Cedup e apoio de vários parceiros.

Programação

8h30 – Abertura: inscrições e café de recepção no Salão Comunitário de Itararé

9h – “Análise instantânea da qualidade da água para produção de peixes de água doce”

Leo de Oliveira / Alfakit – Florianópolis, SC.

10h – “Comercialização de peixes vivos e perspectivas de mercados de carpas, tilápias e jundiás”

Gilmar Luiz De Marchi / Transportes De Marchi )São Domingos, SC)

11h – Sistemas de produção de peixes em tanques escavados:

– “Manejo nutricional em diferentes fases de cultivo” – Everton Zardo (Puro Trato, RS)

– “Uso de tanques-rede para Recria de Juvenis” – Anastácio Matos/ Aziz Abou Hatem  (Epagri/Gerências Regionais de Concórdia e Lages)

12h30 – Intervalo

13h30 –Tarde de campo: estações práticas Cedup – Colégio Agrícola Caetano Costa

– Estação 1:

  • “Uso do kit de análise de água/produtor” (Alfakit/SC)
  • “Uso de rações para Peixes” – Everton Luís Zardo (RTC Puro Trato/RS).

 – Estação 2: “Considerações básicas e de higiene no abate e manipulação de peixes” Jammison Rosa (SIM/CISAMA – S.J.Cerrito)

 – Estação 3: “Potencial do uso de tanques-rede em grandes viveiros escavados e recrias de alevinos” (Epagri e Engepesca – Itajaí/SC)

16h – Encerramento: visitação e café de confraternização.

Serviço

O que: 6º Encontro Regional de Piscicultura da Serra Catarinense

Quando: 7 de novembro de 2023

Onde: Colégio Agrícola Caetano Costa – BR 282, km 246 – comunidade Itararé, São José do Cerrito, SC. O credenciamento será no  Salão Comunitário de Itararé

Inscrições:  gratuitas, nos escritórios municipais da Epagri

Leia também

Deixe um comentário

6 + um =