Serra Catarinense busca experiência de Cicloturismo no Vale Europeu

Por Claudio Santos
Gestores de Turismo de nove municípios da Serra Catarinense passaram o dia desta terça-feira(16), em Timbó. A missão foi conhecer a Rota de Cicloturismo do Vale Europeu considerada exemplo da modalidade no Brasil.
Liderados pela presidente da Amures, prefeita de Palmeira Fernanda Córdova, a missão técnica contou também com o prefeito de Bocaina do Sul, João Della Justina.
A recepção do grupo foi feita por um dos idealizadores da Rota de Cicloturismo do Vale Europeu, Ademir Winkelhaus. Antigo Gestor do Consórcio Regional de Turismo, ele guiou o grupo até alguns pontos da Rota para mostrar como realizam a sinalização. E relatou o processo de implantação do circuito.
A tarde o gestores e prefeitos foram recebidos pelos empresários do circuito de Timbó, Dimas Felipe, Tatiana Honczarik e Zair Carvalho, que também relataram as experiências.
O operador de Cicloturismo, Alexandre Gomes, da BikeTur, falou dos desafios e da dinâmica de trabalho com os grupos de Cicloturistas.
Timbó recebe mais de dez mil turistas por ano, que buscam os circuitos da Rota do Vale Europeu. Grupos de todas as regiões do país e do exterior buscam os mais de 300 km da Rota que foi premiada como a mais bem sinalizada do Brasil.
Participaram da missão os municípios de Lages, Bocaina do Sul, Bom Retiro, Rio Rufino, Urubici, São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Painel e Palmeira.
A Secretária de Turismo de Bocaina do Sul, Leujane Pereira Sutil falou da importância da Rota “é muito importante a implantação dessa Rota de Cicloturismo na Serra. Nosso município fazendo parte da rota, irá proporcionar mais um atrativo nas atividades turísticas que compõem nossas belezas”.
Os município que forem contemplados receberão uma Estação Bike Point.
Colaboração: Oneris Lopes/AMURES

Leia também

Deixe um comentário

19 − dois =