Aula inaugural abre Curso de Zootecnia junto ao Sindicato Rural

Por Luiz Del Moura

Oportunidade de agregar novos conhecimentos e pôr em prática na vida profissional foi o que mais se ouviu durante a apresentação individual dos 35 alunos que participaram da aula inaugural do Curso Técnico de Zootecnia, iniciado na manhã deste sábado, 27, na estrutura educacional junto à sede do Sindicato Rural de Lages. Ao longo de dois anos eles terão aulas presenciais, virtuais, e principalmente, exercícios presenciais, nas propriedades. “Este é o grande diferencial do curso, a praticidade no campo, no ambiente de trabalho”, apontou o professor e tutor presencial do Senar, Sérgio Carlos de Oliveira.

A formação contempla jovens e adultos que vivem e trabalham no meio rural, com ou sem formação superior, mas que desejam ampliar o conhecimento profissional relacionada à produção pecuária e ao processamento de alimentos de origem animal. Parte dos alunos veio de outras cidades, tais como, Treze Tílias, Santa Cecília, Capão Alto, Bocaina do Sul, Urubici e Painel. Para o produtor rural Alexandre Pocai, de Lages, o curso vai ajudar muito no desempenho junto à atividade. “Já conheço os cursos do Senar e com certeza vou ter grande aprendizado e ampliar meus conhecimentos”, completou.

O presidente do Sindicato Rural de Lages, Márcio Pamplona, e a representante regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Santa Catarina (Senar), Stephanye Fanton, deram as boas vindas aos alunos. Ambos fortaleceram a iniciativa da busca de conhecimentos, destacando a volta de alguns alunos que já usufruíram de outros cursos oferecidos pelo Senar, junto à estrutura do Sindicato Rural. “Todo o processo de ensino foi pensado em atender os produtores que se interessam pelo agronegócio”, disseram.

O sistema de ensino do Senar é voltado essencialmente para a área rural e é aplicado sem custo aos estudantes. O processo não envolve nenhum governo e é sustentado pelo Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural (Funrural), ou seja, pelo próprio produtor que ao emitir as Notas Fiscais, tem percentual descontado. Após dois anos de curso, a formação garante diploma com a marca Senar, homologado pelo Ministério da Educação.

Assessoria de Imprensa

Leia também

Deixe um comentário

12 − 2 =