“Eu peço voto no Jorginho Mello para governar este estado”, diz Bolsonaro

Por Luiz Del Moura

Com a presença de em torno de 10 mil pessoas e mais de 200 prefeitos no Centro de Eventos de Balneário Camboriú, na manhã desta terça-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro (PL) fez um apelo para que o eleitor eleja Jorginho Mello governador no pleito do próximo dia 30.

“É muito importante o alinhamento com o governador do estado. Por isso eu peço, neste momento, o voto em Jorginho Mello para governar este Estado. Temos um congresso que está à direita agora, por isso não podemos desistir. Está em jogo a nossa liberdade”, afirmou Bolsonaro.

Em retribuição, Jorginho foi além e fez uma grande convocação para a votação no segundo turno nacional. “Vamos provar que Santa Catarina é o estado mais bolsonarista do Brasil e reeleger Bolsonaro presidente com 80% dos votos”, discursou, referindo-se ao resultado do presidente em 2018, quando Bolsonaro obteve 76% dos votos.

Para tanto, Jorginho tem levantado a bandeira contra a abstenção. Na eleição do primeiro turno do último dia 2, cerca de 18% dos eleitores catarinenses não compareceram para depositar seu voto nas urnas. Ou seja, em torno de 1 milhão de eleitores.

O candidato do Partido Liberal ao governo do Estado acredita que com uma maior presença do catarinense nas seções eleitorais Bolsonaro conseguirá uma vitória histórica no estado para superar Lula na corrida pelo Palácio do Planalto. Após o evento, Bolsonaro embarcou para o Rio Grande do Sul, onde também se encontrará com prefeitos gaúchos na cidade de Pelotas.

Leia também

Deixe um comentário

quinze − seis =