Atleta formado na HandLages é convocado para a disputa do Sul-Centro Americano pela Seleção Brasileira

Por Luiz Del Moura

O ponta, Vinicius Perin, formado pela base da HandLages foi convocado pela Seleção Brasileira Juvenil de Handebol. A lista de atletas divulgada nesta segunda-feira (7 de novembro) é para a disputa do Sul-Centro Americano, na Argentina. A competição ocorre entre os dias 8 e 13 de novembro e vale vaga para a disputa do Mundial da modalidade. O Brasil está no grupo “A” ao lado de Guatemala, Uruguai e Nicarágua.

Sobre a competição, Perin explica como está a expectativa para a disputa na Argentina. “Estou bem confiante individualmente e coletivamente, temos uma forte equipe que vai chegar em busca da taça e da classificação para o mundial”, enfatiza.

Para Marlon Beretta, dirigente da HandLages e ex-treinador de Perin, é um sonho realizado a convocação do jogador. “Sempre deixei bem claro que meu trabalho no handebol de Lages só estaria completo no dia que um atleta nosso pegasse uma seleção, claro que também destaco a importância de seus atuais treinadores, mas me sinto muito bem com esse momento”, destaca.

O presidente da HandLages, Rafael Getelina, contou como se sente orgulhoso da equipe ser formadora de atletas e investir na base. “Apostamos nos talentos. Sem dúvidas esse é um momento incrível, o Vini sempre foi um guri espetacular dentro e fora de quadra. A família toda sempre foi muito envolvida a HandLages e sempre o apoiaram inclusive agora nesse momento de mudança e viver de vez o esporte, a história do Irmão Victor também é muito linda dentro da associação”, ressalta.

Getelina enfatiza a alegria com a convocação de Perin. “Esse momento é incrível, mas agora estamos na torcida, queremos o ver indo para o mundial esse ano, ele é merecedor”, relata. O presidente finaliza destacando a importância da formação de atletas. “Seguiremos com esse intuito, de seguir dando oportunidades, acreditando que oferecer o esporte para a nossa comunidade, é sim uma forma de mudar vidas, está aí um grande caso e que muitos outros aconteçam”, explica.

O começo

Vinicius Perin deu os primeiros passos no handebol em 2013, aos 8 anos, no polo da HandLages no colégio Rubens de Arruda Ramos, em Lages. Como passar dos treinos, foi conquistando espaço e se destacando na modalidade. Foi campeão escolar estadual, destaque em competições até surgir a possibilidade de ir jogar pelo clube de Itajaí, onde foi vice-campeão brasileiro escolar e esse ano estreou na Liga Nacional de Handebol adulto.

O atleta conta que no começo usava o tempo livre para a prática do esporte, mas começou se interessar pela modalidade. “Quando comecei era meio um passatempo até ficar mais interessado no esporte, começar a gostar das viagens e de como era legal viajar pelo esporte, depois de um tempinho já comecei a treinar com os alunos de rendimento da HandLages”, conta. “Comecei a jogar competições mais importantes a fazer viagens incríveis e daí para frente fui pegando muita experiência e muita visibilidade no esporte”, acrescenta.

Marlon explica que Perin sempre se destacou nos treinos e competições. “Sempre, por sua habilidade e técnica apurada, na HandLages conquistou vários títulos nas categorias de base sub-12, sub-14 e sub-16. Foi campeão estadual sub-14 em 2018 no Jesc e no mesmo ano chegou ao acampamento da seleção brasileira sub-14 onde se destacou muito”, finaliza.

 

Texto: Lucia Chaves / Rafael Getelina

Fotos: Divulgação

Leia também

Deixe um comentário

dez + 10 =