Atletas beneficiados pelo Bolsa Atleta se classificam para seletiva nacional de natação em Aracaju

Por Luiz Del Moura

Dois atletas beneficiados pelo Bolsa Atleta, da Fundação Municipal de Esportes (FME) conquistaram vaga para a Gymnasiades, maior competição escolar do mundo, que garante aos classificados, o Mundial Escolar em maio na França. Gabriela Sell de 16 anos e Fabrício Cardoso de 17 são os representantes de Lages na Seleção Catarinense de Natação.

Os atletas viajam para Aracaju (SE) na próxima segunda-feira (28 de março) e retornam na quarta-feira (31). Gabriela disputará as provas de 200, 100 e 50 metros peito, enquanto Fabrício compete nas de 100 e 200 metros costas e 50 metros livre. Santa Catarina vai para o torneio com 24 nadadores, sendo 12 mulheres e 12 homens.

A competição

A Gymnasiades é a maior competição escolar do mundo e reúne estudantes entre 16 e 18 anos em seletivas nacionais. Este evento é organizado pela Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE) e serve como seletiva para formar a seleção Brasileira Escolar. A expectativa é que durante este mês, Aracaju receba mais de 3000 atletas, de oito modalidades, confira:

* Atletismo

* Ginástica Artística

* Ginástica rítmica

* Judô

* Tênis de mesa

* Wushu

* Natação

* Xadrez

A trajetória de Gabriela Sell

Gabriela começou a tomar gosto pela natação aos 10 anos, porém relata que não tinha talento e nem se destacava. “Foi bem difícil até chegar ao Gymnasiades, eu não me destacava, tinha bastante dificuldade, mas comecei a correr, fazer musculação, ter treinos específicos e consegui atingir meu objetivo. A Vanessa Moresco me ajudou bastante com a parte psicológica porque é muita pressão”, explica.

A nadadora descreve a influência do treinador e motivação na carreira. “Quando comecei treinar com o Marcel França, ele colocou o projeto para conseguir medalha no Brasileiro. Consegui primeiro do Estadual e ano passado garantir duas no Brasileiro e quero mais”, enfatiza.

Já o treinador relata a expectativa pela participação da atleta no torneio. “É um orgulho ter a Gabriela representando o município e a Seleção Catarinense nessa disputa. Vamos torcer pela Gabi para que ela faça uma boa competição, mesmo ainda com 16 anos”, comenta Marcel França.

A mãe de Gabriela, Beatriz Faust dos Santos, explica a persistência da filha até a competição. “Existe o atleta que tem aptidão e existe o que tem que ir atrás do objetivo. A Gabriela nunca foi uma atleta que teve o dom para natação, então teve que treinar muito. Hoje ela se destaca bastante, mas tudo devido ao esforço e treinos”.

Importância do Bolsa Atleta

Beatriz conta também a importância do programa de auxílio financeiro para a filha. “Esse ano conseguimos o Bolsa Atleta para ela, o programa ajuda bastaste por que os custos são muito altos”, explica.

Já Fabrício Cardoso ressalta o incentivo que o programa proporciona aos atletas. “Incentiva para que não parem de praticar o esporte, sabemos que o valor não cobre tudo, mas é necessária a ajuda que o Bolsa Atleta nos dá”.

O nadador iniciou na natação com apenas oito meses de idade e aos nove anos começou treinar com uma equipe. “Comecei nadar com oito meses e pretendo continuar até o resto da minha vida. Após entrar nas competições e competir com o pessoal de um nível maior, fui evoluindo cada vez mais”, conta.

Fabrício também comenta sobre a felicidade de participar do torneio. “Fiquei feliz, é uma experiência nova que vou ter. Vou nadar os 100 metros costas que é minha prova principal e tenho mais destaque, e os 200 metros costas que é a que tenho mais dificuldade. Os 50 metros livres não é minha prova principal, mas vai ser a de entrada provavelmente”, finaliza o atleta.

Texto: Lucia Chaves

Fotos: Divulgação

Leia também

Deixe um comentário

1 × 3 =