Lages Melhor conquista prêmios no Festival Dança Catarina em Bom Retiro

Por Luiz Del Moura

Polo do Bairro Guarujá da Escola Aline Giovana Schmitt (CAIC Irmã Dulce) trouxe duas terceiras colocações

As duas turmas de Street Dance (Danças Urbanas) do polo do Programa Lages Melhor do bairro Guarujá (Escola Aline Giovana Schmitt, CAIC Irmã Dulce), participaram na última segunda-feira (6), da etapa regional do Festival Dança Catarina realizada na cidade de Bom Retiro. O Festival Escolar Dança Catarina é uma promoção da Fundação Catarinense de Esportes (FESPORTE), Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Governo do Estado, com apoio da Secretaria Estadual de Educação, das Secretarias de Desenvolvimento Regionais e das prefeituras.

Com a instrução e orientação de Anderson da Costa, os grupos participaram em duas categorias, Estilo e Infantil Livres, conquistando as terceiras colocações das etapas. O polo faz parte do Programa Lages Melhor da Prefeitura de Lages por meio da Fundação Cultural (FCL) e seu equipamento cultural, a Escola de Artes Elionir Camargo Martins. Além dos prêmios com os grupos do Lages Melhor, o instrutor Anderson também celebra a conquista de mais oito prêmios com seus grupos do Colégio Santa Rosa de Lima (quatro coreografias classificadas para a próxima etapa em Lages, nos dias 25 e 26 de novembro no Ginásio Jones Minosso).

Segundo Anderson, o Festival estava muito competitivo, principalmente nas categorias em que o Programa Lages Melhor participou. “Apesar de não termos conseguido classificação para as finais do festival, mesmo assim comemoramos as colocações obtidas em uma etapa com um nível tão alto”, comenta.

O instrutor ainda cita a ansiedade das crianças para a participação no evento e o preparo realizado. “Temos o forte auxílio da Prefeitura, Secretaria de Educação, Escola de Artes, Fundação Cultural, direção da escola, os pais e familiares dos nossos bailarinos. Um processo que compreendeu transporte, ajuda nos figurinos, alimentação e a torcida para os nossos grupos que dançaram muito bem”.

Para o superintendente da Fundação Cultural, Giba Ronconi, os prêmios evidenciam o trabalho de instrutores e a importância do Programa Lages Melhor. “As participações em festivais de expressão sempre dão ótimos resultados para os grupos de Lages, sejam de escolas particulares ou das nossas escolas públicas representadas por ações como a do Lages Melhor, por exemplo”.

 

Texto: Fabrício Furtado

Fotos: Escola de Artes/Programa Lages Melho

Leia também

Deixe um comentário

dezoito + 1 =