Capão Alto reduz alíquota de imposto de serviços de hospedagem

Por Luiz Del Moura

A Prefeitura de Capão Alto reduziu de 5% para 2%, a alíquota de imposto para serviços de hospedagem para o setor de hotéis do município. A medida, efetivada por meio da Lei Complementar Nº 205/2022, representa um avanço importante para o setor, que contribui de maneira decisiva para a geração de riqueza e renda.

O secretário municipal da Indústria, Comércio e Turismo, Jaissom Moraes, explicou que a lei é o resultado de um esforço conjunto. Além da pasta, o trabalho envolveu o setor jurídico da Prefeitura, o prefeito Tito Freitas, que sensível com causa trabalhou de maneira efetiva para o projeto virar realidade, os vereadores e todos os estabelecimentos de hospedagem do município.

O turismo de Capão Alto tem crescido de maneira significativa . Atualmente, o setor oferece 270 leitos e gera 133 empregos diretos. “O Poder Público Municipal vem dar uma contrapartida muito importante para este setor, que gera emprego e renda”, destacou Jaissom.

Ele aproveitou para comentar sobre outros projetos da Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo de Capão Alto. Segundo ele, em breve será implantado no município o Banco de Emprego do SINE, facilitando o acesso a oportunidades de trabalho.

Mas as novidades não param por aí. Jaissom detalhou que a pasta trabalha para, em parceria com o Sebrae, instalar no município a Sala do Empreendedor, onde os empreendedores locais poderão buscar informações, fomentando o empreendedorismo local.

Outra questão citada por Jaissom se refere a qualificação profissional. No próximo ano, em parceria com o Colégio Emiliano Ramos, será oferecido o curso de Turismo e Hotelaria para estudantes. “As oportunidades estão surgindo em nosso município, por isso, as pessoas precisam se qualificar para o mercado de trabalho”, finalizou.

Por Assessoria de Capão Alto

Leia também

Deixe um comentário

7 − 2 =