Comarcas da Serra têm pautados seis júris populares até o fim deste mês de abril

Por Luiz Del Moura

Cinco comarcas da região serrana de Santa Catarina pautaram sessões do Tribunal do Júri para abril. Até o fim do mês devem ocorrer seis júris populares nessas unidades para julgar pessoas acusadas de homicídio e tentativa de homicídio, além de outros crimes. Nestes casos, é a sociedade que decide o futuro dos réus, pois serão os sete jurados, que compõem o Conselho de Sentença, os julgadores de cada processo.

Em Curitibanos, além do júri ocorrido na semana passada, outros dois estão marcados, para os dias 12 e 19. De acordo com a denúncia do Ministério Público, o acusado que será julgado nesta quarta matou um homem por suspeitar que ele tinha um caso amoroso com a então companheira. O fato ocorreu em fevereiro de 2022. O homem foi morto a facadas na presença da filha da vítima. O processo está em segredo de justiça.

Na semana seguinte, na mesma comarca, dois homens e uma mulher serão julgados por tentativa de homicídio. Em 2013, a vítima teria feito manobras perigosas na rua onde ele e um dos acusados moravam. Houve uma discussão entre os dois. Após isso, os três réus foram até a casa, o chamaram para rua, imobilizaram e desferiram três golpes de faca. O homem conseguiu fugir com a ajuda da enteada.

No dia 26, em Bom Retiro, um homem será julgado por matar outro, conforme os autos, depois de uma discussão por comida. O acusado desferiu um golpe de faca no peito da vítima, que era sua amiga e com quem trabalhava e morava na mesma residência . O crime ocorreu em abril de 2022. Ele fugiu, porém, foi preso no dia seguinte.

Na comarca de Lages, um homem e uma mulher se sentarão no banco dos réus no dia 27. Eles foram denunciados por tentativa de homicídio, tráfico e por praticar vias de fato contra a vítima. A mulher foi até a casa da acusada com o intuito de adquirir drogas, conforme a denúncia. Houve uma briga e, em seguida, os disparos de arma de fogo contra ela. Os fatos ocorreram em abril de 2020.

Também no dia 27, na comarca de Correia Pinto, um homem será julgado por dupla tentativa de homicídio. O réu, como consta na denúncia, tentou matar pai e filha por conta de uma suposta dívida contraída pelo homem com o réu. Ele deu um tiro na região do abdômen do homem e no pé da mulher. Os crimes não se consumaram pela inaptidão do acusado no manuseio da arma e porque foram prontamente atendidas.

Em São Joaquim, no dia 28 de abril, dois réus serão julgados por tentar matar um homem, em dezembro de 2021, em frente a um bar, por se recusar a pagar uma cerveja. Eles desferiram 27 socos e cinco chutes na cabeça da vítima, que estava caída no chão, depois de terem discutido dentro do estabelecimento.

NCI/TJSC – Serra e Meio-Oeste

Leia também

Deixe um comentário

um + 13 =