Lages terá a I Semana da Agricultura Familiar com programação voltada ao tema

Por Luiz Del Moura

Serão realizados seminários com palestras, feira com produtos hortifrútis e de produção caseira, como bolachas, cucas, mel e pães, além de uma programação cultural em homenagem aos agricultores

Nos dias 27, 28 e 29 de julho os pequenos agricultores e todas as pessoas interessadas no tema têm um encontro marcado. A primeira edição da Semana da Agricultura Familiar está com uma programação recheada com diversas atividades. Promovido pela Prefeitura de Lages, através da Secretaria Municipal da Agricultura e Pesca, em parceria com a Câmara de Vereadores e demais apoiadores, o objetivo é incentivar e fortalecer a produção e comercialização dos produtos da agricultura familiar no município.

Serão realizados seminários, com palestras que irão debater sobre o tema, feira com produtos hortifrútis e de produção caseira, como bolachas, cucas, mel e pães, além de uma programação cultural em homenagem aos agricultores.

As inscrições para os seminários são gratuitas e deverão ser realizadas até o dia 17 de julho, através do preenchimento de um formulário que está disponível através do link https://forms.gle/pLNFKpaDaotukp7C6, ou pelo telefone (49)3019-7476, deixando o nome completo, CPF e data de nascimento. “Os cem primeiros inscritos irão ganhar mudas de árvores frutíferas; serão cinco unidades por família”, explica uma das organizadoras, a engenheira agrônoma da Secretaria de Agricultura e Pesca, Josie Moraes Motta.

Os seminários contam com apoio e organização da Epagri. As palestras e atividades serão realizadas no Mercado Público de Lages, na quinta-feira (27), com programação aberta ao público, das 8h às 17h, com pausas para o café e almoço.

As palestras devem durar em torno de 40 minutos, e logo após serão realizadas mesas redondas, com debates sobre as principais dificuldades enfrentadas pelos agricultores e como poderiam ser encontradas soluções para que eles possam produzir e comercializar cada vez mais. Serão convidadas autoridades e entidades ligadas à área, como profissionais da Cidasc, da Vigilância Sanitária e representantes de agricultores e de supermercadistas. Será um canal de conversação para que os agricultores consigam falar sobre seus problemas e os especialistas também apontem caminhos para a solução.

Na sexta-feira (28), será promovida a Feira da Agricultura Familiar na praça do Terminal Urbano, das 8h às 17h, onde já acontece tradicionalmente, mas nesta semana com o propósito de atrair ainda mais agricultores e pessoas que pretendem consumir produtos frescos e orgânicos. No sábado (29), a partir das 14h, haverá uma programação cultural no Mercado Público voltada ao tema.

O evento está ligado à Lei n° 4375/19, de autoria do vereador Enio do Vime, que institui o Dia Municipal da Agricultura Familiar, celebrado todo dia 25 de julho. O intuito é fortalecer e incentivar a produção e gestão e comercialização dos produtos do setor.

Outras secretarias municipais são apoiadoras da I Semana da Agricultura Familiar, como a Secretaria Municipal da Educação, que irá promover um concurso de redações e desenhos relacionados à agricultura. Os materiais produzidos pelos alunos da rede pública municipal de ensino serão premiados e expostos durante o evento. A Fundação Cultural de Lages (FCL) vai organizar as apresentações artísticas que deverão enriquecer ainda mais a programação.

O evento conta ainda com o apoio da Associação dos Municípios da Região Serrana (Amures), Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), Mercado Público de Lages, Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e Epagri.

Texto: Aline Tives

Arte: Divulgação

Leia também

Deixe um comentário

dezoito + dez =