Dia de Campo leva conhecimento a pecuaristas em Palmeira

Por Luiz Del Moura

Cerca de 100 pecuaristas participaram, na manhã desta quarta-feira, 05, do Dia de Campo Coopertropas e Epagri, realizado na propriedade Sol Nascente, na localidade de São Sebastião do Canoas, interior de Palmeira. Eles participaram de diversas atividades onde puderam conhecer a propriedade e acompanhar, de perto, a transformação que a implementação de políticas públicas tem proporcionado ao empreendimento.

A propriedade Sol Nascente, da pecuarista Karina Hisae Ando, é uma Unidade de Referência Técnica da Epagri, que atua junto à família há pelo menos 10 anos. “Implementamos tecnologias e orientação para servir de exemplo para outros produtores, e o evento serve exatamente para isso. É um trabalho conjunto”, explicou o extensionista da Epagri Clairton da Silveira.

Para o gerente regional da companhia, José Márcio Lehmman, esse tipo de evento é essencial para engajar os pecuaristas. “É muito importante trazer informações para nossos produtores, e é uma alegria ver a casa cheia, pois mostra que estamos alcançando quem mais importa, os produtores”.

A Coopertropas, que também presta apoio técnico à propriedade, demonstrou aos pecuaristas a tecnologia no emprego da criação do gado à base de corte. “Hoje a Coopertropas demostrou sua força na pecuária da região, um evento magnífico, onde agregou diversas linhas de comércio voltado ao agro, e entidades de apoio, como a Epagri, e a nossa prefeitura da Palmeira, que sempre nos apoia nos eventos aqui da Palmeira. É a Coopertropas demostrando tecnologia de ponta na pecuária, na carne produzida a pasto”, comemorou o vice-presidente da cooperativa, Geraldo Costa de Oliveira.

Pecuaristas conheceram história de superação e crescimento na propriedade Sol Nascente

A propriedade Sol Nascente tem, em seu DNA, uma história de transformação que iniciou com o empreendedorismo feminino no campo. A responsável por administrar a propriedade, Karina Hisae Ando, assumiu a responsabilidade de tocar a propriedade a partir da morte do pai, e introduziu a pecuária no cardápio de negócios da propriedade.

De lá para cá, ela vem seguindo orientações, implantando melhorias a partir dos estudos conduzidos pelas equipes da Epagri e da Coopertropas, o que vem aumentando a produtividade e os resultados da família. “Ano após ano a propriedade tem evoluído e está mais produtiva”, relata Clairton.

A prefeita Fernanda Cordova, que acompanhou parte do encontro, destacou o potencial dos produtores, a partir da adoção de tecnologias e boas práticas no campo. “É uma alegria muito grande poder ver uma propriedade no interior do nosso município, referência e tem avançado por isso. Se todos os pecuaristas que estão aqui, juntos, conseguirem implementar essas melhorias, ainda podemos crescer muito e nos destacar ainda mais. Já somos a capital catarinense das carnes de qualidade, e podemos ir muito mais longe”, destacou a prefeita, que salientou, ainda, o fato de a propriedade ser um empreendimento feminino.

“Sempre que me perguntam sobre isso, eu digo que a mulher precisa acreditar em si. Estamos numa propriedade administrada por uma mulher, o que mostra que podemos nos destacar em quaisquer papéis e cenários que quisermos”, destacou Fernanda.

Por Assessoria de Imprensa de Palmeira

Leia também

Deixe um comentário

quatro + 4 =