Lages sedia em setembro quatro seminários estaduais sobre Inclusão

Por Luiz Del Moura

Os eventos serão o X Seminário de Inclusão, IX Encontro de Luta pelos Direitos da Pessoa com Deficiência, VI Seminário de Educação Física Adaptada e I Mostra de Pesquisas em Educação Especial

Com o objetivo de discutir esses temas com a sociedade catarinense, os cursos de Psicologia e Educação Física da Uniplac, Universidade do Planalto Catarinense, promovem entre os dias 18 e 22 de Setembro, o X Seminário de Inclusão, que terá a grande oportunidade de apontar soluções com projetos que podem se tornar políticas públicas, para amenizar o sofrimento de milhares de catarinenses e brasileiros e definitivamente inseri-los na sociedade como um todo. A Instituição conta com a participação de oito entidades parceiras.

Segundo dados do censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010,  23,6% da população brasileira têm algum tipo de deficiência, envolvendo quatro grandes grupos: auditiva, visual, motora e física. Este percentual é ainda maior em Lages, segundo a mesma fonte, atingindo 32,67%, com cerca de 51.354 pessoas. Santa Catarina possui 290 mil pessoas com algum tipo de deficiência.

Os temas abordados envolverão cinco grupos de discussão, Educação, Saúde, Trabalho, Esporte e Lazer. Santa Catarina, possui cerca de 44 mil vagas para pessoas com deficiência e atualmente 29 mil estão preenchidas, conforme dados da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Alesc, Assembleia Legislativa de Santa Catarina.  A Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza que 10% da população mundial apresente alguma forma de deficiência.

O evento contará com a participação de profissionais, acadêmicos, sociedade e professores com os mais diversos saberes. Por isso acontece paralelamente o IX Encontro de Luta pelos Direitos da Pessoa com Deficiência, VI Seminário de Educação Física Adaptada e I Mostra de Pesquisas em Educação Especial, com a participação em palestras, oficinas e atividades ao ar livre, envolvendo a sociedade. Serão quatro palestrantes, professora da UFSC, Dra. Bruna Seron Barboza, Dra. Aline Savi, Unesc, Camila Fuchs, profissional de Educação Física-Bacharela em Educação Física, Igor  Zucchi, professor de Orientação e Mobilidade, Miguel Longo, Professor no curso de Educação Física, Universidade Rio de Janeiro e Mateus Costa, deficiente visual e músico, especialista em musicalização infantil.

Após dois anos sem público, apenas transmissão On Line, esta edição será presencial. “Todos estão aguardando com uma grande expectativa por vários motivos. Voltaremos a nos reunir, fato que não ocorreu nas últimas edições, os temas que vamos discutir são muito amplos que vão contribuir muito com a inclusão das pessoas que apresentam algum tipo de deficiência e o corpo técnico envolvido e o nível altíssimo dos de palestrantes, vão marcar muito este seminário”, comentou a coordenadora do seminário, professora mestre Vivian de Oliveira. Todos os eventos acontecerão nas dependências do Clube Caça e Tiro e Uniplac. Parceiros do seminário Cisama, Acil, Prefeitura de Lages (Secretarias Educação, Saúde, Assistência Social),  Acafe, Comped, CIR, Câmara dos Vereadores de Lages e 7ª CRE.

Leia também

Deixe um comentário

13 − 1 =