2ª edição do Feirão do Emprego oferece mais de 400 oportunidades de trabalho

Por Luiz Del Moura

Uma das empresas de ênfase no Feirão do Emprego desta sexta consiste na Cinemark, rede americana de cinemas com 39 anos de história, e irá contratar 20 candidatos exclusivamente para primeiro emprego

Dia 19 de maio – sexta-feira – começou agitado no centro de Lages. Centenas de pessoas interessadas enxergaram uma esperança na 2ª edição do Feirão do Emprego, promovido pela prefeitura de Lages, por intermédio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo, departamento Banco do Emprego, e uma chance de conquistar o primeiro posto de trabalho registrado em carteira da vida; a reinserção após um longo tempo desempregadas; um novo início assim concluída uma formação profissionalizante rápida, ou técnica ou acadêmica, ou mesmo a aposta em uma nova área.

O Calçadão da Praça João Costa estava cheio de gente já pela manhã, com filas às 7h, antes mesmo da largada dos trabalhos, pois o evento acontecerá sem interrupções das 9h às 17h, contando com a presença de diversas instituições e empresas parceiras na abertura de vagas, divididas em stands para atendimento direto à população por seus profissionais de Recursos Humanos (RH). Guichês do Banco do Emprego e stands empresariais estão dispostos no Espaço Cultural Aristiliano Ramos, e as instituições de parcerias estão do lado de fora, em tendas na Praça.

Na totalidade, 414 vagas ao mercado de trabalho em diversificados segmentos. Aproximadamente cinco mil pessoas devem passar pelo local durante todo o dia, mediante estimativa da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo.

Este será o segundo Feirão do Emprego (um em 2022, realizado em dois dias), o primeiro de 2023. Nas duas datas no ano passado, em torno de sete mil cadastros de candidatos foram efetuados.

Até terça-feira (16 de maio) já haviam sido contabilizadas 319 vagas de emprego disponibilizadas para esta sexta-feira. Número que aumentou no decorrer da semana, à medida que novas empresas cadastraram suas vagas para contratação.

Uma das empresas de ênfase no Feirão do Emprego desta sexta consiste na Cinemark, rede americana de cinemas com 39 anos de história, e que irá contratar 20 pessoas diretamente, exclusivamente ao seu primeiro emprego. Entre as empresas ofertantes das vagas estão Ulfer Purificadores de Água, Forest Paper, Coisarada, Grupo Pereira/Fort Atacadista, Berneck, Fruticultura Malke, Limpar, Atacadão, JBS e Madepar.

As empresas parceiras irão, segundo o cadastro de cada pessoa, proceder à seleção do perfil desejado para as vagas de trabalho. O Banco do Emprego será responsável por este encaminhamento. A efetivação ou não na vaga é atribuição da empresa.

Para participar do processo, as pessoas deverão se dirigir ao Feirão do Emprego e apresentar os seguintes documentos pessoais: Documento oficial de identidade com foto, Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e comprovante de residência. A Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo, através do setor Balcão Cidadão, disponibilizará, no local, a confecção da Carteira de Trabalho Digital.

O prefeito em exercício de Lages, Juliano Polese, prestigiou o evento na manhã desta sexta-feira (19 de maio). “A prefeitura de Lages realiza e apoia iniciativas de empregabilidade e de geração de renda, consequentemente, de desenvolvimento econômico e social local e regional, pois um empreendimento/marca com bons profissionais em mão de obra e produtos e serviços de qualidade torna-se bem sucedida, e a cidade inteira ganha com seus resultados.”

O secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Álvaro Mondadori (Joinha), amparou o evento e atendeu ao público. “O papel do agente, operador e servidor público é justamente retribuir ao cidadão. Nossa equipe está preparada para este dia e torcemos para que as pessoas consigam êxito em seus projetos de vida.”

O olhar a quem ainda não foi lembrado

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo lançou, recentemente, o Programa “Emprega Mais Jovem”. Objetivo de conscientizar a sociedade, principalmente a classe empresarial, sobre a relevância da oferta do primeiro emprego, acolhendo jovens e pessoas ainda sem experiência em seus currículos.

União

São parceiros do Feirão do Emprego: Associação Empresarial de Lages (Acil); Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Lages; Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae); Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai); Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac); Serviço Social da Indústria (Sesi); Serviço Social do Comércio (Sesc); Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest Senat); Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac); Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV), da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc); Universidade Luterana do Brasil (Ulbra); Instituto Federal de Santa Catarina (Ifsc) – campus Lages; Instituto Euvaldo Lodi (IEL); Sistema Nacional de Emprego (Sine); Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee); Fundação Carlos Joffre do Amaral (FCJA); Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri); Orion Parque Tecnológico; Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Metalomecânicas e do Material Elétrico de Lages (Simmmel); Banco da Família; Klabin; Rádio Clube; Rádio Massa FM, e ATPlus.

Isadora e seu sonho aos 19 anos

Ela tem apenas 19 anos e busca um trabalho na sua área de formação no Feirão do Emprego. Isadora Mendes Ribeiro possui um currículo estudantil invejável: Embora tão jovem, já coleciona diplomas – é técnica em enfermagem e técnica em biotecnologia, detém um curso profissionalizante de 1,5 ano em administração e atualmente cursa a 1ª fase no ensino superior, em radiologia. E um plus: Carteira Nacional de Habilitação categoria “AB” (automóvel e motocicleta).

A lageana, moradora do bairro Santa Helena, está na batalha por um emprego fixo formal desde os primeiros meses de 2023. “Um evento deste, concentrando tantas empresas, facilita a vida da gente, porque está tudo em um só lugar. Eu aguardo sair daqui com boas notícias, pois necessito da empatia das empresas para abrirem suas portas e eu adquirir a tão exigida experiência. Estou otimista.”

Isadora estava acompanhada pelo pai, o agente de segurança, Alexandre Souza Ribeiro, seu grande incentivador. “Existem laboratórios que não admitem profissionais com menos de 21 anos. Estamos esperançosos de as empresas se sensibilizarem e ela ter seu sonhado primeiro emprego”, prospecta Alexandre, pai também de um garoto de 18 anos, que investe na carreira de jogador de futebol em São Paulo.

João e suas experiências na indústria

Enquanto Isadora está na fila, aos 19 anos, para tentar seu primeiro registro assinado em carteira, do lado de dentro do Espaço Cultural Aristiliano Ramos, João Gonçalves Padilha acumula suas expectativas na cadeira em frente aos guichês antes de ser encaminhado à fila pretendida. São 44 anos de vida e um longo período de experiências profissionais: Operador de empilhadeira, operador de transpalheteira, mecânico de automóveis e motorista.

Pela primeira vez no Feirão do Emprego, João, residente no bairro São Luiz, lageano, casado, tenta por uma vaga desde o início deste ano. “Eu precisava crescer profissionalmente e hoje estou pronto para enfrentar novos desafios e propiciar o meu melhor, de formação e conhecimento, a uma nova camisa que irei vestir.”

Texto: Daniele Mendes de Melo

Fotos: Toninho Vieira e Coxilha Filmes/Divulgação

Leia também

Deixe um comentário

vinte − 10 =