Novo Mercado Público Municipal terá boxes de produtos da Agricultura Familiar e Economia Solidária

Por Revista Expressiva

Dos 40 boxes existentes no Mercado Público Municipal, 33 já foram licitados faltando, portanto, apenas sete boxes para serem definidos, os quais entrarão em nova etapa de licitação pública que será efetivada pela Prefeitura de Lages. Deste total, oito deles são destinados para a comercialização de produtos da Agricultura Familiar e da Economia Solidária, sendo que quatro destes boxes serão entregues para a Associação dos Municípios da Região Serrana (Amures) e o Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico, Meio Ambiente, Atenção à Sanidade dos Produtos de Origem Agropecuária e Segurança Alimentar (Cisama), entidades que definirão como eles serão ocupados.

A Prefeitura ficará com outros quatro boxes, sob a responsabilidade da Secretaria de Agricultura e Pesca. Neste montante, ainda há mais quatro boxes, destinados para a venda de produtos agrícolas de hortifrúti que estão sendo ocupados por meio de licitação.

Os boxes entregues à Amures e ao Cisama serão de produtos regionais, enquanto que os boxes que ficaram com a Prefeitura (Secretaria da Agricultura e Pesca) terão produtos da Agricultura Familiar, produzidos por produtores rurais de Lages integrados às feiras coloniais.

“O Mercado Público Municipal é muito importante como marco cultural de Lages e da Região da Serra Catarinense. Nele os turistas poderão conhecer, por exemplo, a produção local e regional de hortifrúti, do artesanato, além de vivenciar os usos e costumes do povo serrano, por meio de apresentações artístico-culturais”, destaca o prefeito Antonio Ceron.

No novo Mercado Público terá espaço para apresentações culturais, para exposições, bem como um auditório para 40 pessoas. A nova estrutura comporta bares, restaurante, peixaria, lotérica, entre inúmeros outros serviços à disposição dos visitantes.

A população pode conferir as novidades do novo Mercado Público nas redes sociais: instagram.com/mercadopublicodelages.

Para o executivo de Turismo da Prefeitura e responsável pela gestão do Mercado Público, Amauri Bacci, o espaço será o novo ponto de encontro do lageano. “O Mercado Público foi concebido para ser um espaço democrático onde todos possam frequentar e ter orgulho da nossa cultura, produtos e nossa rica gastronomia. E ainda, será mais um local para o turista visitar e levar ótimas lembranças da cidade durante o seu passeio”.

Leia também

Deixe um comentário

dezessete + 8 =