Carmen Zanotto quer conclusão do Plano de Expansão da Radioterapia no país

Por Luiz Del Moura

“Precisamos acelerar a conclusão das obras do Plano de Expansão para reduzir o tempo de espera dos pacientes com câncer”, afirma Carmen Zanotto durante reunião com a diretora de Relações Governamentais da Variant Medical Center, Ligia Pimentel. A reunião aconteceu nesta terça-feira, 21, na Câmara dos Deputados.

“Nós estamos vivendo um momento muito complexo, que são as demandas reprimidas decorrentes da pandemia. Precisamos acelerar a conclusão das obras do Plano de Expansão, ou seja, garantir que esses equipamentos entrem em funcionamento o mais rápido possível, para reduzir o tempo de espera dos pacientes com câncer”, destacou Carmen.

Tratamento em até 60 Dias

Para assegurar o cumprimento da Lei 12.732/12, que garante que o paciente diagnosticado com câncer inicie o tratamento em no máximo 60 dias, de autoria da deputada, o governo federal construiu o Plano de Expansão da Radioterapia. Em maio de 2012, por meio da Portaria nº 931, o Ministério da Saúde estabeleceu os critérios para implantação dessas soluções.

O Plano de Expansão previu inicialmente a implantação de 80 soluções de radioterapia (equipamentos e obras). Mais tarde, sofreu uma alteração, sendo adquiridos mais 20 equipamentos. Das 100 soluções, 54 estão em pleno funcionamento atendendo a população brasileira.

Radioterapia em Santa Catarina

Somente em Santa Catarina estão em funcionamento o equipamento de Itajaí, no hospital Marieta Konder; o de Blumenau, do hospital Santo Antônio; e o de Chapecó, no hospital Regional. Em obras estão os serviços de Tubarão, no hospital Nossa Senhora da Conceição; e o de Joaçaba, no hospital Santa Terezinha.

“Desta forma, a distância para o tratamento e o tempo de espera irão reduzir, não somente em Santa Catarina, mas em todo o Brasil. Queremos que o paciente tenha o seu direito assegurado, com diagnóstico em 30 dias e início do tratamento em no máximo 60 dias. Quem tem câncer tem pressa”, enfatiza Carmen.

Legenda da Foto: Com a diretora de Relações Governamentais da Variant Medical Center, Ligia Pimentel. (Foto: Denise Lacerda)

Leia também

Deixe um comentário

2 × 3 =