Livro “O Continente das Lagens” é relançado

Por Luiz Del Moura

Na noite desta terça-feira (12 de julho) a Prefeitura de Lages e Fundação Cultural (FCL), promoveram o relançamento da obra de Licurgo Costa, “O Continente das Lagens”, para cerca de cem pessoas, entre convidados, autoridades e imprensa.

No local, decorado rusticamente remetendo ao passado, ocorreu uma mostra, com quadros contendo trechos escritos da obra, ao alcance dos olhos, para que o público pudesse ter um maior acesso ao teor do livro.

O evento de relançamento, além da fala de autoridades e de pessoas e entidades que participaram do processo, também contou com a reprodução de um vídeo em formato de homenagem, onde foram expostos trechos da obra e imagens de Licurgo Costa. O conteúdo do vídeo contou com a participação da família do autor formada pela filha Lilian, as netas Cristina, Fernanda e Gabriela e o bisneto Santiago, que enviaram à Fundação Cultural de Lages registros, que foram expostos aos presentes.

O Prefeito Antonio Ceron, em sua fala explica que teve o privilégio de conhecer a história de Licurgo através da filha Mayra, que foi grande entusiasta do projeto de reedição da obra, e considera o evento de grande importância para o município. “Ao fazer as minhas considerações, sinto um orgulho ainda maior de quem foi a pessoa de Licurgo, que em alguns casos foi mais conhecido até fora de Lages do que aqui, mas com certeza, a vida dele é um orgulho para todos os lageanos e catarinenses, além de ser um exemplo de dedicação fraterna enaltecendo em todas as suas paradas e passagens a história da nossa cidade de Lages”, disse. Vale lembrar que a data de relançamento foi emblemática, pois marcou os 20 anos de falecimento do autor do livro, Licurgo Costa.

“Sempre tivemos muita vontade de fazer acontecer, e aos poucos as coisas foram se materializando. Essa luta teve a participação de muita gente, pesquisadores, pessoas e entidades que se dedicaram a isso, que também tinham a mesma visão e desejo.”, reforçou Paulo César Costa, sobrinho de Licurgo.

Ao final da cerimônia, em ato de agradecimento, o Prefeito Antonio Ceron fez o anúncio de que cada um dos presentes seria contemplado com um exemplar da 2ª Edição da grandiosa obra, demonstrando ainda mais a vontade de fazer circular o conhecimento compilado nos dois volumes.

Sobre o livro:

“O Continente das Lagens” teve seu processo de reedição iniciado em 2015, através do trabalho de duas professoras e historiadoras contratadas pela Fundação Cultural: Sara Nunes e a Doutora Elisiana Trilha Castro. Com a referida reedição, a obra foi transformada de 4 para 2 volumes, de aproximadamente 690 páginas cada um. Através de emenda parlamentar para aquisição de livros, do então deputado Estadual Fernando Coruja, viabilizou-se o cumprimento de processo licitatório para a impressão dos exemplares.

Ressalta-se que a Prefeitura de Lages e Fundação Cultural foram responsáveis por todo o processo de montagem, de acompanhamento e da execução do projeto, que contou também com a parceria da Secretaria Municipal de Educação, por meio da secretária Ivana Michalchuck, que foi contemplada com os recursos advindos de emenda parlamentar, mencionados anteriormente.

Sem dúvidas, com o retorno da obra ao mercado e com o seu acesso possibilitado através de todas as escolas da Rede Pública Municipal, Museu Histórico Thiago de Castro e Bibliotecas municipais, a história de Lages e seus aspectos culturais, turísticos, políticos e econômicos, estarão preservados e ainda mais vivos em nossa memória.

Texto: Emellin Camargo e Fabrício Furtado

Fotos: Ary Barbosa de Jesus Filho

Leia também

Deixe um comentário

19 − quatro =