Lages mobiliza-se em torno dos direitos da Pessoa com Deficiência

Por Luiz Del Moura

Integram-se ao movimento de inclusão social, junto ao COMPED, entidades, instituições e órgãos públicos

Neste dia 21 de setembro, realiza-se o Dia de Luta da Pessoa com Deficiência, movimento que tem a participação de entidades e associações representativas a exemplo da ASDF, ADEVIPS, APAS e APAE, a coordenação e organização do COMPED e Prefeitura, e integração da ACIL, CDL, Uniplac, FacVest, CREA, OAB e Banco da Família.

Durante a abertura oficial do evento, no Calçadão da Praça João Costa, o secretário municipal de Planejamento e Mobilidade Urbana, Gabriel Córdova, destacou a importância da mobilização comunitária como meio de fortalecer a luta por inclusão social. “O que este movimento nos mostra é que Lages tem de ser cada vez mais uma cidade inclusiva. Nossas ruas com mais acessibilidade, e as pessoas com deficiência tendo mais oportunidades de emprego e renda. E para isso a união de todos é essencial, principalmente o poder público municipal e a classe empresarial”, enfatizou.

“Nosso movimento é forte, organizado e busca seu espaço. Muitas têm sido as conquistas, como é o caso da Praça João Costa revitalizada, com estrutura adaptada às necessidades da mobilidade urbana. É assim que os deficientes podem exercer os seus direitos de ir e vir com dignidade”, disse o presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (Comped), e também gerente de Mobilidade Urbana da Secretaria Municipal do Planejamento, Volsiú Waltrick.

Também presente ao ato de abertura desse Dia de Luta, o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Álvaro Mondadori (Joinha), falou sobre as oportunidades que as MEIs (Microempreendedores Individuais) têm para captarem linhas de crédito especiais para construção de calçadas (padrão acessibilidade) via Banco da Família. Facilidade essa estendida a todos os interessados, ou seja, não só aos empreendedores mas também aos proprietários de imóveis urbanos em geral. Ao todo são quatro linhas de crédito disponibilizadas pelo Banco da Família, sendo uma com parcelamento em até 36 vezes e juro zero.

Atividades

Uma estrutura diversificada foi montada na Praça João Costa com atuação de profissionais de Saúde, Defesa Civil, Desenvolvimento Econômico, e das universidades.

No período das 9 às 17 horas, atividades lúdicas e desportivas desenvolvidas no Calçadão e Centro Cultural Aristiliano Ramos terão a participação das entidades e associações voltadas ao bem estar da pessoa com deficiência.

Estão integradas ao movimento de inclusão social, junto ao COMPED, entidades, instituições e órgãos públicos, com destaque para as secretarias municipais de Planejamento e Mobilidade Urbana (Seplam); Assistência Social; Educação; Saúde; Serviços Públicos e Meio Ambiente; Desenvolvimento Econômico e Turismo, assim como a Defesa Civil.

Texto: Iran Rosa de Moraes

Fotos: Nilton Wolff

Leia também

Deixe um comentário

20 − 19 =